Início » São Paulo » Araraquara


Araraquara - São Paulo



Araraquara é uma cidade no interior do estado de São Paulo. Localizado na região Central do Estado a uma distância de 43 km do seu centro geográfico (Obelisco), e a 277 quilômetros da Capital. Ela foi a cidade brasileira melhor qualificada no ranking IFDM, que usa critérios de renda, educação e saúde. Encontra-se a 21º47′40" de latitude sul e 48º10′32" de longitude oeste, a uma altitude de 664 metros. Sua população em 2012 é de 212,617 habitantes, sendo assim a 17ª cidade do interior paulista em número de habitantes residentes. O município está conurbado com Américo Brasiliense.

Araraquara possui um campus da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (UNESP) que subdivide-se em: Faculdade de Ciências e Letras (com os cursos de Administração Pública, Ciências Econômicas, Ciências Sociais, Letras e Pedagogia), Faculdade de Ciências Farmacêuticas (curso de Farmácia-Bioquímica), Instituto de Química (curso de Química em três modalidades: Bacharelado em Química, Bacharelado em Química Tecnológica e Licenciatura em Química) a Faculdade de Odontologia. A UNIP, UNIARA, Faculdades Logatti, Instituto Savonitti e também uma unidade do CEFET - Centro Federal de Educação Tecnológica também estão instaladas na cidade. Além destas instituições, está sendo executada a construção da Universidade de Música e Arte de Araraquara projetada pelo Arquiteto Oscar Niemeyer com previsão de funcionamento para 2012.

"Araraquara" é um termo tupi que significa "toca de arará (modalidade de formiga)", através da junção dos termos arará ("formiga arará") e kûara ("toca"). Outra hipótese etimológica, porém, aponta para o signicado "toca de arara", a partir de a′rara ("arara") e kûara ("toca").

História da cidade de ARARAQUARASãO PAULO

Em 1807, Pedro José Netto, oriundo de Minas Gerais, internou-se nas matas onde hoje está São Carlos, fixando-se depois nos campos de Araraquara. Em 1809, juntamente com seus filhos, requereu a posse de uma sesmaria, cujos domínios principiavam no Morro do Espigão que verte para o córrego do Brejo Grande, buscando o Ribeirão do Barreiro.

Com o aparecimento de novos exploradores, Pedro José Netto indicou-lhes a existência de terras devolutas, contíguas à sua, para que eles, por meios regulares, também se estabelecessem e se tornassem senhores dos respectivos territórios.Essas sesmarias foram demarcadas oficialmente entre 1812 e 1819.

A Sesmaria do Ouro foi o local escolhido para Pedro José Netto iniciar a povoação de Araraquara, em 1812, onde, com seus filhos, erigiu uma capela.

Nas grandes propriedades rurais, características da região durante a primeira metade do século XIX, plantava-se cana-de-açúcar e milho, ao lado de outros cereais. Os rebanhos eram constituídos, em sua maioria, por suínos e bovinos. A partir de 1850, as plantações de café substituíram as culturas de cana e cereais da zona araraquarense, tornando-se o produto de maior importância na economia local. A canade -açúcar somente voltou a ser cultivada a partir de 1929, sendo hoje um dos principais produtos agrícolas.

Segundo Theodoro Sampaio, em (O Tupi- Geografia Nacional), Araraquara compõe-se de "arara quara" significando "refúgio ou viveiro das araras". Seu cognome é "morada do sol".

GENTíLICO:ARARAQUARENSE

FORMAçãO ADMINISTRATIVA

Distrito criado com a denominação de São Bento de Araraquara, por alvará de 30 de outubro de 1817, em virtude da resolução régia, de 22 de agosto de 1817, no Município de Piracicaba.

Elevado à categoria de vila com a denominação de a denominação de São Bento de Araraquara, por Decreto de 10 de julho de 1832, desmembrado de Piracicaba. Constituído de 3 Distritos: Araraquara, Rincão e Santa Luzia. Sua instalação verificou-se no dia 24 de agosto de 1833.

Elevado a comarca em 20 de abril de 1866.

Cidade por lei provincial nº 7, de 06 de fevereiro de 1889.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o Município de Araraquara se compõe de 3 Distritos: Araraquara , Rincão e Santa Lúcia.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o Município de Araraquara se compõe de 7 Distritos: Araraquara, Américo Brasiliense, Gavião Peixoto, Itaquerê , Motuca, Rincão e Santa Lúcia.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1936, o Município de Araraquara compreende o único termo judiciário da comarca de Araraquara e permanece com 7 Distritos: os mesmos citados em 1933.

Em divisão territorial de 31-XII-1937, o Município de Araraquara figura igualmente como único termo judiciário da comarca de Araraquara , e se compõe de 7 Distritos: os mesmos citados em 1933, e mais o de Bueno de Andrada (ex-Itaquerê).

No quadro anexo ao Decreto-lei Estadual nº. 9073, de 31 de março de 1938, o Município de Araraquara é o único termo judiciário da comarca de Araraquara e se divide em 7 Distritos: Araraquara, Américo Brasiliense, Bueno de Andrada (ex-Itaquerê), Gavião Peixoto, Motuca, Rincão e Santa Lúcia.

No quadro fixado pelo Decreto-lei Estadual nº. 9775, de 30-XI-1938, para 1939-1943, o Município de Araraquara figura exatamente como no quadro anexo ao citado Decreto-lei nº. 9073, sendo que o termo de Araraquara se compõe de 2 municípios: Araraquara e Matão.

Em virtude do Decreto-lei Estadual nº. 14334, de 30-XI-1944, que fixou o quadro territorial para 19451948, o Município de Araraquara ficou composto dos Distritos de Araraquara, Américo Brasiliense, Bueno de Andrada (ex-Itaquerê), Gavião Peixoto, Motuca, Rincão e Santa Lúcia.

Lei Estadual nº 233, de 24 de Dezembro de 1948, desmembra do Município de Araraquara o Distrito de Rincão.

Nos quadros fixados pelas leis ns: 233, de 24-XII-1948 e 2456, de 30-XII-1953 para vigorar , respectivamente, nos períodos 1949-1953 e 1954-1958, com os Distritos de Araraquara, Américo Brasiliense, Bueno de Andrada (ex-Itaquerê), Gavião Peixoto, Motuca e Santa Lúcia, comarca de Araraquara.

Lei Estadual nº 5285, de 18 de Fevereiro de 1959, desmembra do Município de Araraquara o Distrito de Santa Lucia.

Em divisão territorial datada de 01-VII-1960 o Município de Araraquara é formado de 5 Distritos: Araraquara, Américo Brasiliense, Bueno de Andrada (ex-Itaquerê), Gavião Peixoto e Motuca.

Lei Estadual nº 8092, de 28 de fevereiro de 1964, desmembra do Município de Araraquara o Distrito de Américo Brasiliense.

Em Divisão Territorial datada de 31-XII-1968 o Município de Araraquara é constituído de 4 Distritos: Araraquara, Bueno de Andrada, Gavião Peixoto e Motuca.

Lei Estadual nº 2343, de 14 de maio de 1980, cria o Distrito de Vila Xavier e incorpora ao Município de Araraquara.

Assim permanece o quadro territorial para vigorar em 1981. Composto de 5 Distritos: Araraquara, bueno de Andrada, Motuca, Gavião Peixoto e Vila Xavier.

Lei Estadual nº 6445, de 09 de Janeiro de 1990, desmembra do Município de Araraquara o Distrito de Motuca

Em Divisão datada de 01-VI-1995, o Município de Araraquara é constituído de 4 Distritos: Araraquara, Bueno de Andrada, Gavião Peixoto e Vila Xavier.

Lei Estadual nº 9330, de 27 de Dezembro de 1995, desmembra do Município de Araraquara o Distrito de Gavião Peixoto.

Em Divisão Territorial datada de 15-VI-1997, o município é Constituído de 3 Distritos: Araraquara, Bueno de Andrada e Vila Xavier.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Araraquara: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Araraquara? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: