Início » Rio Grande do Sul » Vila Nova do Sul


Vila Nova do Sul - Rio Grande do Sul



Vila Nova do Sul faz parte do estado do Rio Grande do Sul.

Encontra-se a uma latitude 30º20′38" sul e a uma longitude 53º52′58" oeste, estando a uma altitude de 267 metros.

Possui uma área de 527,42km² e sua população estimada em 2004 era de 4 480 habitantes.

História da cidade de O nome de origem veio da reestruturação do antigo povoado de São João Velho surgindo uma Vila Nova do Sul. Entre os anos de 1913 e 1914, o primeiro tenente Raimundo Sampaio foi incumbido da artiangulação (medição) da região centro-sul do Estado, mais propriamente das encostas da Serra do Mar, nas nascentes do Arroio Cambaí.

O terreno apresentava uma série de dificuldades devido ao prolongamento de coxilhas sucessivas, da mesma altura, impedindo a visibilidade para o lançamento de visadas além de 18 km. Foi quando o tenente valeu-se de que, em linguagem topográfica, é chamada de "vértice", levantando junto a Ramada que foi construído - daí ter ficado o nome - uma torre de ferro com 10 metros de altura, com campos de Júlio Costa, divisa com a propriedade da viúva Firmina Costa, no lugar conhecido desde antigamente por Cerca de Pedras, no atual município de Vila Nova do Sul.

Este marco está no alto de uma coxilha, a mais alta do lugar, na rota 459 metros acima do nível do mar, de cima tem-se uma visão ampla e abrangente em todas as direções, de onde fizera ligações. Talvez seja essa torre a única existente no RS constituindo hoje um monumento em homenagem à Carta Geral. A Vila Nova originou-se de um aglomerado de casas, na bifurcação das estradas de São Gabiel, São Sepé e Caçapava do Sul, tomando impulso vertinoso coma passagem da BR-290, que trouxe grande progresso a essa localidade.

Nos primórdios foi chamada de São João Velho, sendo elevada à categria de vila do município de São Sepé em 1916, com o nome de Vila Nova. O nome da cidade, deve-se ao fato de ser uma cidade panorâmica,que se ergue majestosa, como uma princesa das planuras, altaneira, denominante e bela. Capital João Vicente da Silveira, figura expoente dos primórdios da Vila Nova, distinguindo-se pelo seu ardoso empenho na evolução do primeiro núcleo populacional que surgira. Homem de bem, preocupou-se desde o início com a formulação social do vilarejo, tornando-se uma pessoa influente e bem vista, no desenvolvimento da nascente comunidade.

Para Vila Nova foi de uma participação eficiente e efetiva, doando-se desde o princípio, à pequena comunidade, a qual emprestou uma dedicação inestimável pela vida a fora. Uma figura histórica que merece ser lembrado como um homem benemérito, pelo tanto que se doou a seu povo e à sua terra. Um distrito de Vila Nova do Sul guarda no tempo a famosa Cerca de Pedras, cuja origem remonta à época jesuítica, atribuída ao morubixaba Sepé Tiaraju.

No ano de 1929, o padre Mário Deluy, o Dr. Manuel Macedo e outros, estiveram no local para fazer um investigação sobre a origem das velhas cercas, que ainda desafiam a curiosidade de todos.

Fonte: IBGE E CONF. NACIONAL DE MUNICIPIOS

Autor do Histórico: HOMERO DA SILVA POMPEO

Código do Município

4323457

Gentílico

vila-novense

Prefeito

JOSÉ LUIZ CAMARGO DE MOURA

População
População estimada [2018]4.283 pessoas  
População no último censo [2010]4.221 pessoas  
Densidade demográfica [2010]8,31 hab/km²  
Trabalho e Rendimento
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2016]2,2 salários mínimos  
Pessoal ocupado [2016]630 pessoas  
População ocupada [2016]14,4 %  
Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo [2010]37,9 %  
Educação
Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade [2010]96,1 %  
IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental [2015]5,1  
IDEB – Anos finais do ensino fundamental [2015]3,7  
Matrículas no ensino fundamental [2017]508 matrículas  
Matrículas no ensino médio [2017]118 matrículas  
Docentes no ensino fundamental [2015]41 docentes  
Docentes no ensino médio [2017]15 docentes  
Número de estabelecimentos de ensino fundamental [2017]2 escolas  
Número de estabelecimentos de ensino médio [2017]1 escolas  
Economia
PIB per capita [2016]26.538,88 R$  
Percentual das receitas oriundas de fontes externas [2015]85,6 %  
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) [2010]0,662  
Total de receitas realizadas [2017]21.364,00 R$ (×1000)  
Total de despesas empenhadas [2017]15.179,00 R$ (×1000)  
Saúde
Mortalidade Infantil [2014]- óbitos por mil nascidos vivos  
Internações por diarreia [2016]0,5 internações por mil habitantes  
Estabelecimentos de Saúde SUS [2009]2 estabelecimentos  
Território e Ambiente
Área da unidade territorial [2017]507,942 km²  
Esgotamento sanitário adequado [2010]46,8 %  
Arborização de vias públicas [2010]91,8 %  
Urbanização de vias públicas [2010]4,8 %  
Notas & Fontes

Notas:

  1. População ocupada: [pessoal ocupado no município/população total do município] x 100

  2. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: [População residente em domicílios particulares permanentes com rendimento mensal de até 1/2 salário mínimo / População total residente em domicílios particulares permanentes] * 100

  3. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: [população residente no município de 6 a 14 anos de idade matriculada no ensino regular/total de população residente no município de 6 a 14 anos de idade] x 100

  4. Docentes no ensino médio: Os docentes referem-se aos indivíduos que estavam em efetiva regência de classe na data de referência do Censo Escolar., No total do Brasil, os docentes são contados uma única vez, independente se atuam em mais de uma região geográfica, unidade da federação, município ou localização/dependência administrativa., No total da Região Geográfica, os docentes são contados uma única vez em cada região, portanto o total não representa a soma das regiões, das unidades da federação, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total da Unidade da Federação, os docentes são contados uma única vez em cada Unidade da Federação (UF), portanto o total não representa a soma das 27 UFs, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total do Município, os docentes são contados uma única vez em cada Município, portanto o total não representa a soma dos 5.570 municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., Não inclui os docentes de turmas de Atividade Complementar e de Atendimento Educacional Especializado (AEE)., Os docentes são contados somente uma vez em cada localização/dependência administrativa, independente de atuarem em mais de uma delas., Inclui os docentes que atuam no Ensino Médio Propedêutico, Curso Técnico Integrado (Ensino Médio Integrado) e Ensino Médio Normal/Magistério de Ensino Regular e/ou Especial.

  5. Internações por diarreia: [número de internações por diarreia/população residente] x 1000

  6. Esgotamento sanitário adequado: [população total residente nos domicílios particulares permanentes com esgotamento sanitário do tipo rede geral e fossa séptica / População total residente nos domicílios particulares permanentes] x 100

  7. Arborização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com arborização/domicílios urbanos totais] x100

  8. Urbanização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com boca de lobo e pavimentação e meio-fio e calçada/domicílios urbanos totais] x 100


Fontes:

  1. População estimada: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de População e Indicadores Sociais, Estimativas da população residente com data de referência 1o de julho de 2018

  2. População no último censo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  3. Densidade demográfica: IBGE, Censo Demográfico 2010, Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2011

  4. Salário médio mensal dos trabalhadores formais: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  5. Pessoal ocupado: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  6. População ocupada: IBGE, Cadastro Central de Empresas (CEMPRE) 2016 (data de referência: 31/12/2016), IBGE, Estimativa da população 2016 (data de referência: 1/7/2016)

  7. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  8. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: IBGE, Censo Demográfico 2010

  9. IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  10. IDEB – Anos finais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  11. Matrículas no ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  12. Matrículas no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  13. Docentes no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  14. Número de estabelecimentos de ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  15. Número de estabelecimentos de ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  16. PIB per capita: IBGE, em parceria com os Órgãos Estaduais de Estatística, Secretarias Estaduais de Governo e Superintendência da Zona Franca de Manaus - SUFRAMA

  17. Percentual das receitas oriundas de fontes externas: Secretaria do Tesouro Nacional (STN) - Balanço do Setor Público Nacional (BSPN) 2015

  18. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM): Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD

  19. Total de receitas realizadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  20. Total de despesas empenhadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  21. Mortalidade Infantil: Ministério da Saúde, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS 2014

  22. Internações por diarreia: Ministério da Saúde, DATASUS - Departamento de Informática do SUS, IBGE, Estimativas de população residente

  23. Estabelecimentos de Saúde SUS: IBGE, Assistência Médica Sanitária 2009

  24. Área da unidade territorial: Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  25. Esgotamento sanitário adequado: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

  26. Arborização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

  27. Urbanização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Vila Nova do Sul: Imagens da cidade e Região

imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-1
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-2
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-3
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-4
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-5
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-6
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-7
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-8
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-9
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-10
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-11
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-12
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-13
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-14
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-15
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-16
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-17
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-18
imagem de Vila+Nova+do+Sul+Rio+Grande+do+Sul n-19

Disponibilizamos uma vasta lista de hotéis de variados preços no município de Vila Nova do Sul e arredores.


Você conhece a cidade de Vila Nova do Sul? Então deixe seu comentário!


Comentários (1)

  1. valderino oliveira passinato's avatarvalderino oliveira passinato

    Moro em Rondonopolis - MT sou filho de São Sepé, tenho familiares em Vila Nova do Sul, ainda

    pretendo morar nessa terra que tanto amo.

    Parabéns Povo Vilanovense um ótimo natal e um feliz 2017 a todos!!!

    #1 – 08/12/2016 - 13:49

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: