Início » Rio Grande do Sul » Nonoai


Nonoai - Rio Grande do Sul



Nonoai faz parte do estado do Rio Grande do Sul.

Encontra-se a uma latitude 27º21′42" sul e a uma longitude 52º46′17" oeste, estando a uma altitude de 584 metros. Sua população estimada segundo levantamento do IBGE em 1° de julho de 2009 foi de 12 601 habitantes. Possui uma área de 459,15km².

É um município que conta com as águas do rio Uruguai e que faz divisa fluvial com o estado de Santa Catarina. Faz parte da Microrregião de Frederico Westphalen.

História da cidade de Nonoai Rio Grande do Sul - RS

Nonoai foi fundado no ano de 1838, pelo desbravador João Cipriano da Rocha Loires, ocasionado pela necessidade de nova estrada que conduzisse os tropeiros que vinham do Norte do país, para o sul, na compra de muares.

João Cipriano da Rocha Loires, civilizador de várias tribos indígenas que viviam em várias regiões do Sul do país, conhecedor das regiões foi solicitado pelos comerciantes que se possível descobrisse novas estradas que encurtasse o trajeto ligando o nosso estado aos demais estados do país, principalmente para atingir o mercado nordestino.

Com a abertura de tão importante estrada, deu-se em seguida a Fundação de Nonoai cujo nome cresceu vertiginosamente, transformando-se na mais desenvolvida e maior povoação do Norte do estado, cujo comércio já em 1859, contava com 05 olarias, diversas casas comerciais, inúmeros prédios em alvenaria, hotéis e casas de diversões, obrigando o Governo Estadual a instalar no mesmo ano (1850) a 1ª Coletoria em Nonoai.

Nonoai desenvolveu-se em passos largos, em 1890, pelo ato governamental nº 257, elevou-se à categoria de município, vindo a pertencer tal condição com o efeito nefasto da revolução de 1893, cuja mesma a destruiu.

De 1893 em diante, Nonoai passou a pertencer a Palmeira das Missões e posteriormente ao município de Sarandi, até sua emancipação, ocorrida em 31 de maio de 1959, como fruto da 1ª reunião datada de 15 de abril de 1956, tendo como participantes a seguinte comissão: Adão Chagas, José Mazocato, Edgar Lima Winckler, José Reck, Belarmino Pompeu da Silva e João Olímpio de Souza.

Nonoai, localizado a 416 km da capital Porto Alegre. Limita-se ao Norte com o Estado de Santa Catarina, ao sul com os municípios de Trindade do Sul e Gramado dos Loureirosao Leste com Faxinalzinho e Erval Grande e a Oeste com os município de Rio dos índios e Planalto.

Nonoai, baseia sua economia na Agricultura, destacando-se o cultivo da soja, trigo, milho, além dos produtos básicos, como feijão, arroz e outros. A economia também é amparada pela criação de gado, suínos e aves, bem como pela indústria de móveis, esquadrias, as ervateiras e laticínio.

O municipio conta com tres casas de crédito

No aspecto educacional e assistencial, conta com escolas Estaduais Municipais e Particulares, creches, lar do idoso e um Centro de amparo à criança e ao adolescente, que se encontram em situação de risco. Conta ainda, com o Conselho Tutelar e o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente - COMDICAN.

Serve a comunidade, na área de comunicações, com duas emissoras de rádio e um sistema moderno de telefonia DDD e DDI.

Com relação ao transporte, possui diversas linhas de ônibus particulares, interestaduais e de turismo, além do transporte escolar. Conta também com aeroporto municipal.

Na área da saúde, conta com cinco postos de saúde: um na sede, um no Bairro Operário, um nas Bananeiras (área Indigena) e um na sede da área Indigena; e o Hospital Comunitário, que atende todos os municípios da região.

Além dos aspectos mencionados, o Municipio possui uma Reserva Indigena e o Parque Florestal de Nonoai, maior parque florestal do Estado, com cerca de 14.910 hectares, no perimetro de 104 Km, abrangendo os Municípios de Nonoai, Planalto, Alpestre, Rio dos Indios e Gramado dos Loureiros. Também conta com 04 escolas Federais localizadas na área Indígena.

Contagem populacional 2007

Habitantes: 12.327

Urbana: 9.043

Rural: 3.284

Gentílico: nonoaiense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Nonohay, pela lei provincial nº 925, de 0304-1875 e por ato municipal nº 9, de 03-11-1896, subordinado ao município de Palmeira.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o distrito já denominado Nonoai, figura no município de Palmeira.

Pelo decreto estadual nº 4710, de 24-01-1931, transfere o distrito de Nonoai do município de Palmeira para o de Passo Fundo.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de Nonoai permanece no município de Passo Fundo.

Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII1937.

Pelo decreto estadual nº 7842, de 30-06-1939, confirmado pelo decreto-lei estadual nº 1307, de 31-05-1939, transfere o distrito de Nonoai do município de Passo Fundo para o de Sarandi.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o distrito figura no município de Sarandi.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1955.

Elevado à categoria de município com a denominação de Nonoai, pela lei estadual nº 3695, de 30-01-1959, desmembrado de Sarandi. Sede no antigo distrito de Nonoai.Constituído de 3 distritos: Nonoai, Rio dos índios, desmembrado de Iraí e Trindade, desmembrado de Sarandi. Instalado em 31-05-1959.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 3 distritos:Nonoai, Rio dos índios e Trindade. Pela lei municipal nº 26, de 25-08-1959, é criado o distrito de Pinhalzinho e anexado ao município de Nonoai. Pela lei municipal nº 15, de 16-12-1960, é criado o distrito de Gramados dos Loureiros e anexado ao município de Nonoai. Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 5distritos: Nonoai, Gramado dos Loureiros, Pinhalzinho, Rio dos índios e Trindade. Pela lei estadual nº 4736, de 01-06-1964, desmembra de Nonoaí o distrito de Pinhalzinho. Elevado à categoria de município com a denominação de Liberato Salzano. Em divisão territorial datada de 1-I-1979, município é constituído de 4 distritos:Nonoai, Gramados dos Loureiros, Rio dos índios e Trindade.Pela lei estadual nº 8487, de 15-12-1987, desmembra do município de Nonoai o distrito de Trindade do Sul ex-Trindade. Elevado à categoria de município.Pela lei municipal nº 1192, de 14-12-1988, é criado o distrito de Posse dos Linhares e anexado ao município de Nonoaí. Pela lei estadual nº 9541, de 20-03-1992, desmembra do município de Nonoai o distrito de Gramados dos Loureiros. Elevado à categoria de município. Pela lei estadual nº 9547, de 20-03-1992, desmembra do município de Nonoai o distrito de Rio dos índios. Elevado à categoria de município. Em divisão territorial datada de 1-VI-1995, o município é constituído do distrito sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Tranferências distritais

Pelo decreto estadual nº 4710, de 24-01-1931, transfere o distrito de Nonoai do município

de Palmeira para o de Passo Fundo.

Pelo decreto estadual nº 7842, de 30-06-1939, confirmado pelo decreto-lei estadual nº

1307, de 31-05-1939, transfere o distrito de Nonoai do município de Passo Fundo para o de

Sarandi.

Fonte: IBGE

Código do Município

4312708

Gentílico

nonoaiense

Prefeito

EDILSON POMPEU DA SILVA

População
População estimada [2018]11.760 pessoas  
População no último censo [2010]12.074 pessoas  
Densidade demográfica [2010]25,75 hab/km²  
Trabalho e Rendimento
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2016]2,1 salários mínimos  
Pessoal ocupado [2016]2.184 pessoas  
População ocupada [2016]17,8 %  
Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo [2010]33,8 %  
Educação
Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade [2010]96,2 %  
IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental [2015]6,2  
IDEB – Anos finais do ensino fundamental [2015]4,4  
Matrículas no ensino fundamental [2017]1.543 matrículas  
Matrículas no ensino médio [2017]378 matrículas  
Docentes no ensino fundamental [2015]111 docentes  
Docentes no ensino médio [2017]38 docentes  
Número de estabelecimentos de ensino fundamental [2017]9 escolas  
Número de estabelecimentos de ensino médio [2017]2 escolas  
Economia
PIB per capita [2016]29.239,75 R$  
Percentual das receitas oriundas de fontes externas [2015]76,1 %  
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) [2010]0,702  
Total de receitas realizadas [2017]44.644,00 R$ (×1000)  
Total de despesas empenhadas [2017]36.324,00 R$ (×1000)  
Saúde
Mortalidade Infantil [2014]- óbitos por mil nascidos vivos  
Internações por diarreia [2016]3,9 internações por mil habitantes  
Estabelecimentos de Saúde SUS [2009]8 estabelecimentos  
Território e Ambiente
Área da unidade territorial [2017]468,909 km²  
Esgotamento sanitário adequado [2010]24,3 %  
Arborização de vias públicas [2010]66 %  
Urbanização de vias públicas [2010]12,4 %  
Notas & Fontes

Notas:

  1. População ocupada: [pessoal ocupado no município/população total do município] x 100

  2. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: [População residente em domicílios particulares permanentes com rendimento mensal de até 1/2 salário mínimo / População total residente em domicílios particulares permanentes] * 100

  3. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: [população residente no município de 6 a 14 anos de idade matriculada no ensino regular/total de população residente no município de 6 a 14 anos de idade] x 100

  4. Docentes no ensino médio: Os docentes referem-se aos indivíduos que estavam em efetiva regência de classe na data de referência do Censo Escolar., No total do Brasil, os docentes são contados uma única vez, independente se atuam em mais de uma região geográfica, unidade da federação, município ou localização/dependência administrativa., No total da Região Geográfica, os docentes são contados uma única vez em cada região, portanto o total não representa a soma das regiões, das unidades da federação, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total da Unidade da Federação, os docentes são contados uma única vez em cada Unidade da Federação (UF), portanto o total não representa a soma das 27 UFs, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total do Município, os docentes são contados uma única vez em cada Município, portanto o total não representa a soma dos 5.570 municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., Não inclui os docentes de turmas de Atividade Complementar e de Atendimento Educacional Especializado (AEE)., Os docentes são contados somente uma vez em cada localização/dependência administrativa, independente de atuarem em mais de uma delas., Inclui os docentes que atuam no Ensino Médio Propedêutico, Curso Técnico Integrado (Ensino Médio Integrado) e Ensino Médio Normal/Magistério de Ensino Regular e/ou Especial.

  5. Internações por diarreia: [número de internações por diarreia/população residente] x 1000

  6. Esgotamento sanitário adequado: [população total residente nos domicílios particulares permanentes com esgotamento sanitário do tipo rede geral e fossa séptica / População total residente nos domicílios particulares permanentes] x 100

  7. Arborização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com arborização/domicílios urbanos totais] x100

  8. Urbanização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com boca de lobo e pavimentação e meio-fio e calçada/domicílios urbanos totais] x 100


Fontes:

  1. População estimada: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de População e Indicadores Sociais, Estimativas da população residente com data de referência 1o de julho de 2018

  2. População no último censo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  3. Densidade demográfica: IBGE, Censo Demográfico 2010, Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2011

  4. Salário médio mensal dos trabalhadores formais: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  5. Pessoal ocupado: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  6. População ocupada: IBGE, Cadastro Central de Empresas (CEMPRE) 2016 (data de referência: 31/12/2016), IBGE, Estimativa da população 2016 (data de referência: 1/7/2016)

  7. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  8. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: IBGE, Censo Demográfico 2010

  9. IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  10. IDEB – Anos finais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  11. Matrículas no ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  12. Matrículas no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  13. Docentes no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  14. Número de estabelecimentos de ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  15. Número de estabelecimentos de ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  16. PIB per capita: IBGE, em parceria com os Órgãos Estaduais de Estatística, Secretarias Estaduais de Governo e Superintendência da Zona Franca de Manaus - SUFRAMA

  17. Percentual das receitas oriundas de fontes externas: Secretaria do Tesouro Nacional (STN) - Balanço do Setor Público Nacional (BSPN) 2015

  18. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM): Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD

  19. Total de receitas realizadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  20. Total de despesas empenhadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  21. Mortalidade Infantil: Ministério da Saúde, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS 2014

  22. Internações por diarreia: Ministério da Saúde, DATASUS - Departamento de Informática do SUS, IBGE, Estimativas de população residente

  23. Estabelecimentos de Saúde SUS: IBGE, Assistência Médica Sanitária 2009

  24. Área da unidade territorial: Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  25. Esgotamento sanitário adequado: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

  26. Arborização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

  27. Urbanização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Nonoai: Imagens da cidade e Região

imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-1
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-2
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-3
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-4
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-5
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-6
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-7
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-8
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-9
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-10
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-11
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-12
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-13
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-14
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-15
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-16
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-17
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-18
imagem de Nonoai+Rio+Grande+do+Sul n-19

Disponibilizamos uma vasta lista de hotéis de variados preços no município de Nonoai e arredores.


Você conhece a cidade de Nonoai? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: