Início » Paraíba » Santana dos Garrotes


Santana dos Garrotes - Paraíba



Santana dos Garrotes, município no estado da Paraíba (Brasil), localizado na microrregião de Piancó. De acordo com o IBGE, no censo no ano de 2010 sua população era 7.266 habitantes. Área territorial de 354km².

O Município teve origem em 1825, com a instalação da Fazenda Exu, onde existia uma casa de oração. Nesse ano a região foi assolada por uma grande seca, tendo o morador José dos Santos subtraído um garrote para se alimentar, escondendo os vestígios junto a uma lagoa, denominada dos Garrotes. Em 1850, a casa de oração foi transferida para a margem esquerda do riacho Santana, onde foi erguida uma capela. Entre 1850 e 1860, chegou ao povoado o Padre José Tomaz, que convidou os habitantes a prosseguirem com os serviços da capela e a prosperidade do povoado. Em 1893 era organizada uma pequena orquestra pelo maestro José Lopes, a quem se deve, também, a iniciativa da construção de uma capela. Entre os pioneiros que contribuíram para o desenvolvimento do lugar estão o Tenente João de Araújo e outros. A atual Matriz da Cidade foi erigida por decisão do Padre Manoel Otaviano, no período de 1937 a 1946.

Por ocasião da grande seca que assolou a Paraíba alguns anos depois, um indivíduo chamado José dos Santos furtou um garrote e o matou para comer, escondendo o couro a as vísceras junto a uma lagoa. Moradores da região ao tomar conhecimento do fato, passaram a chamar o local de Lagoa dos Garrotes.

História da cidade de Santana dos Garrotes Paraíba - PB

O Município teve origem em 1825, com a instalação da Fazenda Exu, onde existia uma casa de oração.

Nesse ano a região foi assolada por uma grande seca, tendo o morador José dos Santos subtraído um garrote para se alimentar, escondendo os vestígios junto a uma lagoa, denominada dos Garrotes.

Em 1850, a casa de oração foi transferida para a margem esquerda do riacho Santana, onde foi erguida uma capela.

Entre 1850 e 1860, chegou ao povoado o Padre José Tomaz, que convidou os habitantes a prosseguirem com os serviços da capela e a prosperidade do povoado.

Em 1893 era organizada uma pequena orquestra pelo maestro José Lopes, a quem se deve, também, a iniciativa da construção de uma capela.

Entre os pioneiros que contribuíram para o desenvolvimento do lugar estão o Tenente João de Araújo e outros.

A atual Matriz da Cidade foi erigida por decisão do Padre Manoel Otaviano, no período de 1937 a 1946.

Gentílico: santanense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Santana dos Garrotes, pela lei municipal nº 17, de 07-01-1896, subordinado ao município de Piancó.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o distrito de Santana do Garrotes, figura no município de Piancó.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.

Pelo decreto lei nº 1010, de 30-03-1938, o distrito aparece grafado Santana dos Garrotes.

Pelo decreto lei estadual nº 1164, de 15-11-1938, o distrito de Santana dos Garrotes passou a denominar-se simplesmente Garrotes.

No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o distrito de Garrotes permanece no município de Piancó.

Pelo decreto lei estadual nº 520, de 31-12-1943, o distrito de Garrotes perdeu parte do seu território para o novo distrito de Andreza, do município de Piancó.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o distrito de Garrotes permanece no município de Piancó.

Assim permanecendo em divisão territorial datado de 1-VII-1960.

Elevado à categoria de município com denominação de Santana dos Garrotes, pela lei estadual nº 2672, de 22-12-1961, desmembrado de Piancó. Sede no atual distrito de Santana dos Garrotes ex-Garrotes. Constituído do distrito sede. Instalado em 26-10-1962.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de I-VI-1995.

Pela lei municipal nº 184, de 17-I-1999, é criado o distrito de Pitombeira de Dentro e anexado ao município de Santana dos Garrotes.

Em divisão territorial datada de 2003, o município é constituído de 2 distritos: Santana dos Garrotes e Pitombeira de Dentro.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alterações toponímicas distritais

Santana de Garrotes para simplesmente Garrotes alterado, pelo decreto lei estadual nº1164, de 15-11-1938.

Garrotes para Santana dos Garrotes alterado, pela lei estadual nº 2672, de 22-12-1961.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Santana dos Garrotes: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Santana dos Garrotes? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: