Início » Paraíba » Remígio


Remígio - Paraíba



Remígio faz parte do estado da Paraíba. Está localizado na microrregião do Curimataú Ocidental. De acordo com o IBGE, no ano de 2010 sua população era estimada em 17.581 habitantes. Área territorial de 178km².

Os primeiros habitantes do nosso município foram os Índios Potiguares, que se dividiram em três grandes aldeias: Jandaíra, Queimadas e Caxexa. Por volta de 1700 já havia homens brancos na região, porém os registros históricos datam a partir de 1788, quando o alferes Luiz Barbosa da Silva Freire, de tradicional família portuguesa, e residente no Rio Grande do Norte, negociou suas terras com o senhor João de Morais Valcácer, adquirindo a propriedade denominada lagoas, onde hoje está localizado o nosso município, tendo como garantia para o negócio, uma simples troca de fios de barba, a permuta das propriedades. Remígio dos Reis, genro de Luiz Barbosa, construiu sua residência próxima a uma das cinco lagoas existentes na propriedade (atual Lagoa Parque). Remígio que pertencia a Areia viveu os mesmos ideais da sede tomando parte ativa nas lutas da Confederação do Equador, uma das mais belas páginas da história areiense. O número de habitantes e as edificações cresciam em ritmo acelerado, foi quando Frei Herculano, com a ajuda da população edificou uma Capelinha no morro próximo à lagoa (hoje Matriz de Nossa Senhora do Patrocínio), e o senhor Francisco Tonel construiu o mercado, fortalecendo o comércio. Em 30 de março de 1938, passamos à categoria de vila, e em 15 de novembro do mesmo ano a Lagoa de Remígio ganhou a sua atual denominação, Remígio, em homenagem ao seu fundador. O primeiro projeto para o desmembramento da vila de sua sede, o município de Areia, foi apresentado pelo Deputado Remigense Dr. Luiz Bronzeado, reprovado pelo Governador João Fernandes de Lima, que substituía o titular José Américo de Almeida, alegando que o desmembramento traria vários prejuízos a economia de Areia, nossa sede. Em 02 de agosto de 1956, o deputado Tertuliano de Brito apresentou a Assembléia o Projeto de Lei Nº129/1956, pedindo a emancipação de Remígio, sancionada em 14 de março de 1957, pelo Governador Flávio Ribeiro Coutinho, entrando em vigor no dia 31 de março do mesmo ano. O Sr. Epitácio Bronzeado foi nomeado para administrar o município, de 31 de março de 1957 a 06 de fevereiro de 1958.

Homenagem à Remígio dos Reis, que tornou-se o primeiro morador do lugarejo que mais tarde, por sua localização, virou ponto de parada de viajantes e tropeiros.

História da cidade de Remígio Paraíba - PB

Os primeiros habitantes do atual município foram os índios Potiguares, que na região brejeira da Paraíba eram distribuídos em seis tabas, das quais, as de Jandaíra, Queimadas e Cuxexa, localizavam-se em terras do atual município.

Não se tem dados precisos a respeito de quando começou o desbravamento da região, pressupõe-se que tenha sido no início do ano de 1700. Só 78 anos depois é que foi encontrado o primeiro registro, dando conta da presença de colonizadores naquele local, quando o Alferes Luiz Barbosa da Silva Freire, entrou em choque com o Governador da Província do Rio Grande do Norte e em luta armada, consegui fugir da sua terra, trazendo consigo dois escravos negros. Na fuga desenfreada, foi encontrar o português João Morais Valcacér, tendo com ele permutado sua propriedade "Barro Branco" no Rio Grande, pela de "Chã Jardem" em Areia, estendendo-se pouco tempo depois, até o lugar denominado "Lagoas" em Remígio.

Após estabelecer-se no local, trouxe a família, inclusive filhos, genros e serviçais, iniciando com eles o desbravamento da propriedade, tendo conseguindo a amizade dos índios.

Um dos genros do fazendeiro, chamado Remígio dos Reis, construiu sua morada próximo a uma cinco lagoas existentes na região. A partir daí novas casas foram construídas e surgiram novos sítios, por este motivo o denominaram "Lagoa do Remígio", tempos depois simplificado para "Remigio". A principal atividade do lugarejo era a agricultura, sobressaindo-se culturas de café e cana de açúcar apesar de técnica rudimentar aplicada.

Gentílico: remigioense ou remigense

Formação Administrativa

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, figura no município de Areia o distrito de Lagoa do Remígio.

Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.

Pelo decreto-lei nº 1164, de 15-11-1938, o distrito de Lagoa do Remígio passou a denominar-se simplesmente Remígio.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o distrito de Remígio ex-Alagoa do Remígio, figura no município de Areia.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1955.

Elevado novamente à categoria de município com a denominação de Remígio, pela lei estadual nº 1667, de 14-03-1957, desmembrado de Areia. Sede no antigo distrito de Remígio. Constituído do distrito sede. Instalado em 31-03-1957.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede.

Pela lei estadual nº 2778, de 18-01-1962, é criado o distrito de algodão e anexado ao município de Remígio.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 2 distritos: Remígio e Algodão.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 17-I-1991.

Pela lei nº 5928, de 29-04-1994, desmembra do município de Remígio o distrito Algodão. Elevado à categoria de município com a denominação de Algodão de Jandaíra.

Em divisão territorial datada de 15-VII-1999, o município é constituído do distrito sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007

Alteração toponímica distrital

Lagoa do Remígio para simplesmente Remígio alterado, pelo decreto-lei estadual nº 1164, de 15-111938.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Remígio: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Remígio? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: