Início » Minas Gerais » Tapira


Tapira - Minas Gerais



Tapira é um município do estado de Minas Gerais, no Brasil. Encontra-se a uma latitude 19º55′20" sul e a uma longitude 46º49′23" oeste, estando a uma altitude de 1 091 metros. A população avaliada em 2004 era de 3 509 habitantes. Possui uma área de 1 183,74 quilômetros quadrados.

"Tapira" é um vocábulo derivado da língua tupi que significa "anta", através do termo tapi′ira.

Um desfile de carros de boi é realizado anualmente. Típica cidade do interior mineiro, Tapira mantém sua hospitalidade e suas tradições, como uma boa prosa na praça ou encontros em torno dos fogões a lenha. As cachoeiras dos Bandeirantes, dos Carlos e dos Perobas estão encravadas no meio da mata virgem .

História da cidade de Sua história confunde-se com a de Sacramento e de Araxá, pois, seu território está entre os núcleos que se formaram de um ponto principal que é Vila de Desemboque, berço de toda a civilização do Sertão da Farinha Podre (Atual Triângulo Mineiro).

Pela tradição oral, tinha os índios Araxás como seus primitivos ocupantes na região dos planaltos de Araxá, de onde se desmembrou Tapira.

Essa região compreendia terras férteis, que escondiam também metais e pedras preciosas.

Cumprindo as determinações oficiais foram desbaratados os Araxás, o que possibilitou a vinda dos colonizadores oriundos de São João Del Rey, São Bento do Tamanduá (atual Itapecerica), Pitangui e outros centros.

Sua origem remonta-se aos idos de 1870, sendo considerado seu fundador Pedro Assunção e Sousa. Também conhecido como tio Pedro, Pedro Assunção levantou um cruzeiro fincado em um morro da fazenda Capão Escuro, com ajuda de escravos e vizinhos.

Aquele cruzeiro viria a ser marco inicial da fundação da atual cidade de Tapira, primeiramente denominada Arraial das Antas.

Ao pé daquela cruz rezava-se o terço no primeiro domingo de cada mês assistido por pessoas vinda de toda a região. Como as terras eram férteis, inúmeros daqueles visitantes acabavam por fixar à volta do cruzeiro, construindo suas moradias e se dedicando às lidas agrícolas, isto no início do Século XX.

Ali encontrava-se, desde o evento da Lei áurea, o ex-escravo Lázaro e sua família, sendo seu primeiro morador, enquanto o senhor Pedro Assunção e Sousa é apontado como fundador do povoado.

A família Peres, tendo como chefes João e Manoel, veio a seguir, colaborando com Lázaro na expansão agrícola do território e no crescimento do Arraial das Antas, quando se tornou como distrito de Tapira em 1923, pertencendo ao município de Araxá.

Em 1938, passou a pertencer ao município de Sacramento.

Em 1962, foi emancipado como município de Tapira. Tendo as principais fontes de riquezas na indústria de mineração, com beneficiamento de concentrado de fosfato, e na agricultura e pecuária.

O topônimo, Tapira, originou-se de Tapir (Anta), palavra de origem indígena, animal outrora existente em grande quantidade na região.

Gentílico: Tapirense

Formação Administração:

Alçado a condição de Distrito, com a Lei Estadual nº 843, de 07-09-1923, ainda pertencendo ao município de Araxá.

Pelo Decreto-Lei estadual nº 148, de 17-12-1938, distrito de Tapira passa a pertencer ao município de Sacramento.

Emancipação do município de Tapira, com a Lei Estadual nº 2.764, de 30-12-1962.

Fonte: IBGE; Revista do Archivo Público Mineiro, da Secretaria de Cultura de Minas Gerais e Assembléia Legislativa de Minas Gerais.

Autor do Histórico: GISLENE MARIA F. RAMOS

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Tapira: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Tapira? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: