Início » Ceará » Ubajara


Ubajara - Ceará



Ubajara faz parte do estado do Ceará. A população avaliada em 2006 era de 29.845 habitantes.

Ubajara é topônimo de origem indígena cuja origem está relacionada com a Gruta de mesmo nome. Dentre as suas diversas traduções para a língua portuguesa a que prevalece é Senhor da Canoa, de Ubá = canoa e Jara = Senhor. O nome teria surgido da lenda de um cacique que, vindo do litoral, teria habitado a gruta por muitos anos, inclusive na bandeira do município consta a imagem de um cacique remando em uma canoa. Outra tradução citada na Revista Comemorativa do Cinqüentenário da Cidade de Ubajara, publicada em 31 de dezembro de 1965, página 8: como sendo Canoa da mãe dágua, de Ubá = canoa e Yara = mãe dágua. .

Vai de tropical quente semi-árido brando na porção oeste, a tropical quente sub-úmido no centro e tropical quente úmido na região mais elevada, onde está situada a sede municipal.

História da cidade de Ubajara Ceará - CE

O atual Município de Ubajara era habitado primitivamente pelos índios tabajaras. A primeira penetração foi feita por volta de 1604, por Pero Coelho de Souza, que tentou conquistar as terras férteis da serra de Ibiapaba. Auxiliado pelos jesuítas Francisco Pinto e Luís Figueira, promoveu ele a pacificação dos índios e o desenvolvimento das aldeias que começavam a proliferar às margens do arroio árabe.

A obra dos jesuítas foi interrompida, no entanto, com o trucidamento do padre Francisco Pinto, pelos índios tocarijus, durante uma cerimônia religiosa, no dia 11 de janeiro de 1608, no local onde hoje se ergue a cidade de Ubajara.

Em 1877, acossadas pela seca e pela falta de viveres, várias famílias emigraram das zonas atingidas, instalando-se nos sítios Buriti, Pitanga e Pavuna as primeiras levas - as famílias de Bartolomeu Fernandes do Rêgo, Manuel Luís Pereira, Manuel Soares e Silva e Francisco Soares e Silva. Quando a grande seca as atingiu, deslocaram-se para o lado sul de uma lagoa, denominada Lagoa de Jacaré, ali organizando um arruado que se chamou Jacaré, primitivo nome do Município. O núcleo foi se desenvolvendo, até que, em 1884, um incêndio o destruiu, obrigando os moradores a passarem para as terras do lado oposto da lagoa. Em poucos meses reconstruíram o povoado.

Em 1886 foi erguida a capela em honra de São José, sagrada no ano seguinte pelo primeiro vigário da freguesia de São Pedro de Ibiapina, a cuja jurisdição pertenceu durante muitos anos. Nos anos de 1896 a 1906 a antiga capela foi demolida e outra mais ampla e aprazível foi erguida no local. No dia 22 de novembro de 1934, Dom José Tupinamba da Frota decretava, oficialmente, a criação da paróquia. Uma grande remodelação da matriz começou em 10 de maio de 1941. Nesta reforma foi construída a torre e parte da igreja que faltava. A obra foi inaugurada em 10 de dezembro de 1950.

O distrito de paz foi criado em 1890. Em 1915 conseguiu o Município autonomia administrativa, passando a denominar-se Ubajara.

Origem do Topônimo: Indígena, com a significação do "senhor da canoa" (ubá-canoa e jara-senhor, nome de um cacique vindo do litoral e que por muito tempo habitou a gruta de Ubajara).

Gentílico: ubajarense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Jacaré, por ato de 12-02-1890, subordinado ao município de Ibiapina.

Elevado à categoria de município com denominação de Ubajara, pela lei estadual nº 1279, de 24-08-1915, desmembrado de Ibiapina. Sede na povoação de Jacaré. Constituído do distrito sede. Instalado em 31-12-1915.

Nos quadros de apuração do Recenseamento Geral de 1-IX-1920, o município é constituído de 2 distritos: Ubajara e Araticum. Desmembrado de Ibiapina.Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município aparece é constituído de 3 distritos: Ubajara, Araticum e TrapiáAssim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o município é constituído de 2 distritos: Ubajara e Araticum. Não figurando o distrito de Trapiá.Assim permanecendo em divisão territorial datada de1-VII-1950.Pela lei estadual nº 1153, de 22-11-151, é criado o distrito de Jaburuna ex-povoado e anexado de Ubajara.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1960, o município é constituído de 3 distritos: Ubajara, Araticum e Jaburuna.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 17-I-1991.

Pela lei municípal nº 481, de 22-04-1994, é criado o distrito de Nova Veneza expovoado e anexado ao município de Ubajara.

Em divisão territorial datada de 1-VI-1995, o município é constituído de 4 distritos: Ubajara, Araticum, Jaburuna e Nova Veneza.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.

Alteração toponímica distrital

Jacaré para Ubujara alterado, pela lei estadual nº 1279, de 24-08-1915.

Pontos Turístico:

Gruta de Ubajara : localizada no Distrito de Araticum, a 3km da sede, localizada no Parque Nacional de Ubajara. Trajeto feito por trilha natural margeando um riacho ou por teleférico durante 2 a 3 minutos, oferecendo ampla visão do parque.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Ubajara: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Ubajara? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: