Início » Ceará » Orós


Orós - Ceará



Orós é uma cidade e um município do estado do Ceará. Encontra-se na microrregião de Iguatu, mesorregião do Centro-Sul Cearense. O município tem cerca de 22 mil habitantes e 599km². Foi criado em 1957. É a cidade do famoso cantor brasileiro Raimundo Fagner e também do Açude Orós, segundo maior do Brasil, atrás apenas do Castanhão.

A palavra Orós aparece nos livros de registros das Datas e Sesmarias do Ceará em 1732, quando falam de um "riacho que vai se meter no Oró", e em 1736, do "sítio dos Horós".

Orós, no sufixo grego-universal, significa montanhas. Vem dele o nome orografia, para descrever montanhas, e orologia, a gênese das mesmas. Apesar do município ter cordilheiras vastas que formam vales e boqueirões, admitir-se que seu nome tenha origem aí é suposição sem base, sobretudo quando inexistem outros topônimos cearenses com derivação semelhante .

História da cidade de Orós Ceará - CE

Onde hoje se ergue a nova cidade de Orós, até bem pouco não passava de simples propriedade por onde se estendia, ainda, o domínio feudal das grandes faixas de terras destinadas à criação de agricultura rudimentar, praticada à base de enchada pelos colonos, sertanejos bravios acostumados à luta difícil dos sertões tórricos do Ceará.

Desde de 1911 que já se falava na existência do Boqueirão de Orós, garganta enorme por onde passam as águas do rio Jaguaribe, local proprício para receber uma enorme barragem de represeamento e aproveitamento consequente das águas armazenadas.

Das investigações e estudos complementares realizados pelo Engenheiro Luís Felipe, resultou planificação de uma formidável barragem de 60 metros de altura, com capacidade de 3.300.000 metros cúbicos de água, num lençol compacto de 380 quilômetros quadrados, extensão maior que a Baia de Guanabara.

A represa do enorme reservatório atingiria a cidade do Iguatu, com o desenvolvimento de 66 quilômetros de profundidade máxima de 55 metros. O açude permitiria a irrigação de 80.000 hectares de terra.

Em 1921, com o início dos trabalhos surgiram as primeiras construções de casas de residências, casas para trabalhadores, armazéns, galpões, hospital, prédio para usina e ereção de uma pequena igreja. Em pouco tempo o comércio ganhou impulso, ligando-se a Capital ao Estado por Rodovia. O ramal ferroviário que antes contribuia para o progresso da área, foi desativado.

Gentílico: oroense

Formação Administrativa

Segundo o decreto estadual nº 1156, de 04-12-1933, figrua no município de Icó o disrito de Orós.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, figura no município de Icó o distrito de Orós.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de1-VII-1955.

Elevado à categoria de município com a denominação de Orós, pela lei estadual nº 3338, de 1509-1956, desmembrado de Icó. Sede no antigo distrito de Orós. Constituído de 3 distritos: Orós, Guassosê e Igarói. Todos desmembrado de Icó. Instalado em 25-03-1959.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 3 distritos: Orós, Guassosê e Igarói.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 31-XII-1963.

Pela lei estadual nº 7168, de 14-01-1964, é criado o distrito de Palestina e anexado ao município de Orós.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1968, o município é constituído de 4 distritos: Orós, Guassosê, Igarói, Palestina.

Assim permanecendo em divisão territorial datada 17-I-1991.

Pela lei municipal nº 03, de 16-06-1991, é criado o distrito de Santarém e anexado ao municípios de Orós.

Em divisão territorial datada de 1-VI-1995, o município é constituído de 5 distritos: Orós, Guassosê, Igarói, Palestina e Santarém.

Assim permanecendo em divisão territorial datada 2005.

Fonte: IBGE

Código do Município

2309508

Gentílico

oroense

Prefeito

SIMAO PEDRO ALVES PEQUENO

População
População estimada [2018]21.471 pessoas  
População no último censo [2010]21.389 pessoas  
Densidade demográfica [2010]37,12 hab/km²  
Trabalho e Rendimento
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2016]2,0 salários mínimos  
Pessoal ocupado [2016]1.140 pessoas  
População ocupada [2016]5,3 %  
Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo [2010]51,1 %  
Educação
Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade [2010]97,4 %  
IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental [2015]5  
IDEB – Anos finais do ensino fundamental [2015]4,3  
Matrículas no ensino fundamental [2017]2.878 matrículas  
Matrículas no ensino médio [2017]544 matrículas  
Docentes no ensino fundamental [2015]109 docentes  
Docentes no ensino médio [2017]22 docentes  
Número de estabelecimentos de ensino fundamental [2017]12 escolas  
Número de estabelecimentos de ensino médio [2017]1 escolas  
Economia
PIB per capita [2016]8.921,97 R$  
Percentual das receitas oriundas de fontes externas [2015]92,7 %  
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) [2010]0,636  
Total de receitas realizadas [2017]49.148,00 R$ (×1000)  
Total de despesas empenhadas [2017]46.213,00 R$ (×1000)  
Saúde
Mortalidade Infantil [2014]7,63 óbitos por mil nascidos vivos  
Internações por diarreia [2016]3,8 internações por mil habitantes  
Estabelecimentos de Saúde SUS [2009]14 estabelecimentos  
Território e Ambiente
Área da unidade territorial [2017]576,270 km²  
Esgotamento sanitário adequado [2010]37,5 %  
Arborização de vias públicas [2010]94,2 %  
Urbanização de vias públicas [2010]5,3 %  
Notas & Fontes

Notas:

  1. População ocupada: [pessoal ocupado no município/população total do município] x 100

  2. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: [População residente em domicílios particulares permanentes com rendimento mensal de até 1/2 salário mínimo / População total residente em domicílios particulares permanentes] * 100

  3. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: [população residente no município de 6 a 14 anos de idade matriculada no ensino regular/total de população residente no município de 6 a 14 anos de idade] x 100

  4. Docentes no ensino médio: Os docentes referem-se aos indivíduos que estavam em efetiva regência de classe na data de referência do Censo Escolar., No total do Brasil, os docentes são contados uma única vez, independente se atuam em mais de uma região geográfica, unidade da federação, município ou localização/dependência administrativa., No total da Região Geográfica, os docentes são contados uma única vez em cada região, portanto o total não representa a soma das regiões, das unidades da federação, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total da Unidade da Federação, os docentes são contados uma única vez em cada Unidade da Federação (UF), portanto o total não representa a soma das 27 UFs, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total do Município, os docentes são contados uma única vez em cada Município, portanto o total não representa a soma dos 5.570 municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., Não inclui os docentes de turmas de Atividade Complementar e de Atendimento Educacional Especializado (AEE)., Os docentes são contados somente uma vez em cada localização/dependência administrativa, independente de atuarem em mais de uma delas., Inclui os docentes que atuam no Ensino Médio Propedêutico, Curso Técnico Integrado (Ensino Médio Integrado) e Ensino Médio Normal/Magistério de Ensino Regular e/ou Especial.

  5. Internações por diarreia: [número de internações por diarreia/população residente] x 1000

  6. Esgotamento sanitário adequado: [população total residente nos domicílios particulares permanentes com esgotamento sanitário do tipo rede geral e fossa séptica / População total residente nos domicílios particulares permanentes] x 100

  7. Arborização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com arborização/domicílios urbanos totais] x100

  8. Urbanização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com boca de lobo e pavimentação e meio-fio e calçada/domicílios urbanos totais] x 100


Fontes:

  1. População estimada: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de População e Indicadores Sociais, Estimativas da população residente com data de referência 1o de julho de 2018

  2. População no último censo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  3. Densidade demográfica: IBGE, Censo Demográfico 2010, Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2011

  4. Salário médio mensal dos trabalhadores formais: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  5. Pessoal ocupado: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  6. População ocupada: IBGE, Cadastro Central de Empresas (CEMPRE) 2016 (data de referência: 31/12/2016), IBGE, Estimativa da população 2016 (data de referência: 1/7/2016)

  7. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  8. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: IBGE, Censo Demográfico 2010

  9. IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  10. IDEB – Anos finais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  11. Matrículas no ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  12. Matrículas no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  13. Docentes no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  14. Número de estabelecimentos de ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  15. Número de estabelecimentos de ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  16. PIB per capita: IBGE, em parceria com os Órgãos Estaduais de Estatística, Secretarias Estaduais de Governo e Superintendência da Zona Franca de Manaus - SUFRAMA

  17. Percentual das receitas oriundas de fontes externas: Secretaria do Tesouro Nacional (STN) - Balanço do Setor Público Nacional (BSPN) 2015

  18. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM): Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD

  19. Total de receitas realizadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  20. Total de despesas empenhadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  21. Mortalidade Infantil: Ministério da Saúde, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS 2014

  22. Internações por diarreia: Ministério da Saúde, DATASUS - Departamento de Informática do SUS, IBGE, Estimativas de população residente

  23. Estabelecimentos de Saúde SUS: IBGE, Assistência Médica Sanitária 2009

  24. Área da unidade territorial: Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  25. Esgotamento sanitário adequado: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

  26. Arborização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

  27. Urbanização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Orós: Imagens da cidade e Região

imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-1
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-2
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-3
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-4
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-5
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-6
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-7
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-8
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-9
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-10
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-11
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-12
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-13
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-14
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-15
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-16
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-17
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-18
imagem de Or%C3%B3s+Cear%C3%A1 n-19

Disponibilizamos uma vasta lista de hotéis de variados preços no município de Orós e arredores.


Você conhece a cidade de Orós? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: