Início » Bahia » São Félix do Coribe


São Félix do Coribe - Bahia



São Félix do Coribe faz parte do estado da Bahia. A população avaliada em 2008 era de 12.815 habitantes.

O início do povoamento do local onde hoje está plantada a cidade de São Félix do Coribe aconteceu por volta do ano de 1901, mais precisamente quando chegou a esta região, oriunda da cidade de Livramento do Brumado, fugindo de uma terrível seca, a família do Sr. Liberato de Araújo Castro, sua esposa e seus filhos, dentre eles Leônidas de Araújo Castro e Clemente de Araújo Castro, sendo estas, as primeiras pessoas a terem grande participação na formação do povoado. Leônidas se instalou na margem direita do Rio Corrente, onde foram construídas as primeiras casas sendo algumas de adobe de barro e outras de taipa. Neste local, que mais tarde foi denominada de Fazenda São Félix, começou as suas atividades agropecuárias e posteriormente, atividades políticas. Seu irmão Clemente de Araújo Castro, apesar de ter se instalado do outro lado do rio, em Santa Maria da Vitória, onde exercia atividades comerciais e depois ingressando na política, se tornou em um dos homens mais importantes daquela época, mantinha também negócios relacionados com a agropecuária e a indústria na Fazenda São Félix. Dentre esses negócios, destacamos a fábrica de manteiga Zuzú e a Indústria de beneficiamento de algodão, sendo que, esses dois empreendimentos eram movidos através de energia elétrica produzida ali mesmo, por uma usina termoelétrica que ainda fornecia energia para algumas residências em Santa Maria da Vitória.

No decorrer de alguns anos, foram chegando e fixando residência no local, pessoas de outras regiões, umas que vinham à procura de trabalho e outras atraídas pelas grandes áreas de terra propícias às atividades agropecuárias, transformando então a Fazenda São Félix em um pequeno Povoado, ocasião em que começaram a surgir algumas pessoas para explorarem também atividades comerciais.

História da cidade de São Felix do Coribe

O início do povoamento do local onde hoje está instalada a cidade de São Félix do Coribe, aconteceu por volta do ano de 1901, mais precisamente quando chegou a esta região, oriunda da cidade de Livramento do Brumado, fugindo de uma terrível seca, a família do Sr. Liberato de Araújo Castro, sua esposa e seus filhos, dentre eles Leônidas de Araújo Castro e Clemente de Araújo Castro, sendo estas, as primeiras pessoas a terem grande participação na formação do povoado.

Leônidas se instalou na margem direita do Rio Corrente, onde foram construídas as primeiras casas sendo algumas de adobe de barro e outras de taipa. Neste local, que mais tarde foi denominado de Fazenda São Félix, começou as suas atividades agropecuárias e posteriormente, atividades políticas. Seu irmão Clemente de Araújo Castro, apesar de ter se instalado do outro lado do Rio Corrente, em Santa Maria da Vitória, onde exercia atividades comerciais e depois ingressando na política, se tornou um dos homens mais importantes daquela época. Mantinha também negócios relacionados com a agropecuária e a indústria na Fazenda São Félix. Dentre esses negócios, destacamos a fábrica de manteiga e a indústria de beneficiamento de algodão, sendo que, esses dois empreendimentos eram movidos através de energia elétrica produzida ali mesmo, por uma usina termoelétrica que ainda fornecia energia para algumas residências em Santa Maria da Vitória.

No decorrer de alguns anos, foram chegando e fixando residência no local, pessoas de outras regiões, umas que vinham à procura de trabalho e outras atraídas pelas grandes áreas de terra propícias às atividades agropecuárias, transformando então a Fazenda São Félix em um pequeno Povoado, ocasião em que começaram a surgir algumas pessoas para explorarem também atividades comerciais.

Com a emancipação do Distrito de Coribe, houve um equívoco quanto ao limite intermunicipal, ficando o Povoado de São Félix, no centro de uma disputa entre os municípios de Santa Maria da Vitória e Coribe. Nessa época, o Povoado já contava com uma praça e algumas ruas e era administrado equivocadamente pelo Município de Coribe, que chegou a realizar calçamento em uma praça e a construir um mercado e um prédio escolar, pois os dirigentes do Município de Coribe, achavam que o limite era o Rio Corrente, quando na realidade era uma linha imaginária que partia da foz do Rio Formoso no Rio Corrente, em direção leste até o encontro com o riacho da Pedra Branca. Dirimido o equívoco, ficou comprovado que o Povoado de São Felix, pertencia de fato e de direito, ao Município de Santa Maria da Vitória, que por alguns anos teve como um de seus principais povoados e posteriormente fazendo parte da zona urbana, ocasião em que foram realizadas obras tais como o calçamento de várias ruas na administração do então Prefeito de Santa Maria da Vitória.

As primeiras famílias a morarem no município, além da de Leônidas de Araújo Castro, foram as de Agnelo da Silva Braga, Manoel Rodrigues, João Gomes, Geremias da Silva Lula, João José de Barros, ongelo Costa, Francisco Pereira de Souza, Amaro Alves de Oliveira e José Ferreira, entretanto, foi nas décadas de 1970 e 1980 que o Povoado mais desenvolveu, chegaram e fixaram residência várias famílias vindas de outras regiões, as quais podemos citar a família de Arquimedes Xavier da Silva, Raimundo Pereira dos Santos, João Alves dos Santos, João "Beraba", Antonio "Vermelho", Arnaldo Ferreira, Edson José da Silva, Jorge Fogaça e outras.

Foi a partir dessa época que os proprietários das terras, Clóvis de Araújo Castro, Clemente Barros e posteriormente Agnelo da Silva Braga, lotearam algumas áreas de suas propriedades e com isto o Povoado cresceu e seus moradores já passaram a trabalhar e a sonhar na sua emancipação política administrativa.

Somente em 04.10.1988 e depois de um trabalho incansável de várias lideranças políticas locais foi realizado um plebiscito, cujo resultado foi favorável a sua emancipação política.

Gentílico: sãofelense

Formação Administrativa

Em 13.06.1989, com terras desmembradas dos municípios de Santa Maria da Vitória e Coribe, foi criado o Município de São Félix do Coribe, através da Lei nº 5.011 e publicada no Diário Oficial do Estado da Bahia do dia 14 de junho 1989, sendo a primeira eleição realizada em 15 novembro 1989 e a sua instalação aconteceu solenemente no dia 01 janeiro 1990, tendo sido nesta mesma data instalada a Câmara de Vereadores que em seguida empossou o primeiro Prefeito Sr. Nery Pereira Batista.

Fonte: Pesquisa e compilação de Joselino Rodrigues de Souza, IBGE. Agência de Santa Maria da Vitória, BA

Autor do Histórico: JOSELINO RODRIGUES DE SOUZA

Código do Município

2929057

Gentílico

são-felense

Prefeito

JUTAI EUDES RIBEIRO FERREIRA

População
População estimada [2018]15.310 pessoas  
População no último censo [2010]13.048 pessoas  
Densidade demográfica [2010]13,74 hab/km²  
Trabalho e Rendimento
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2016]1,5 salários mínimos  
Pessoal ocupado [2016]1.170 pessoas  
População ocupada [2016]7,4 %  
Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo [2010]44,4 %  
Educação
Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade [2010]97,6 %  
IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental [2015]5,3  
IDEB – Anos finais do ensino fundamental [2015]4,7  
Matrículas no ensino fundamental [2017]2.236 matrículas  
Matrículas no ensino médio [2017]632 matrículas  
Docentes no ensino fundamental [2015]124 docentes  
Docentes no ensino médio [2017]30 docentes  
Número de estabelecimentos de ensino fundamental [2017]9 escolas  
Número de estabelecimentos de ensino médio [2017]1 escolas  
Economia
PIB per capita [2016]10.191,36 R$  
Percentual das receitas oriundas de fontes externas [2015]82,8 %  
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) [2010]0,639  
Total de receitas realizadas [2017]64.869,00 R$ (×1000)  
Total de despesas empenhadas [2017]46.429,00 R$ (×1000)  
Saúde
Mortalidade Infantil [2014]24,9 óbitos por mil nascidos vivos  
Internações por diarreia [2016]2,9 internações por mil habitantes  
Estabelecimentos de Saúde SUS [2009]10 estabelecimentos  
Território e Ambiente
Área da unidade territorial [2017]1.754,361 km²  
Esgotamento sanitário adequado [2010]1,4 %  
Arborização de vias públicas [2010]95,5 %  
Urbanização de vias públicas [2010]0 %  
Notas & Fontes

Notas:

  1. População ocupada: [pessoal ocupado no município/população total do município] x 100

  2. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: [População residente em domicílios particulares permanentes com rendimento mensal de até 1/2 salário mínimo / População total residente em domicílios particulares permanentes] * 100

  3. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: [população residente no município de 6 a 14 anos de idade matriculada no ensino regular/total de população residente no município de 6 a 14 anos de idade] x 100

  4. Docentes no ensino médio: Os docentes referem-se aos indivíduos que estavam em efetiva regência de classe na data de referência do Censo Escolar., No total do Brasil, os docentes são contados uma única vez, independente se atuam em mais de uma região geográfica, unidade da federação, município ou localização/dependência administrativa., No total da Região Geográfica, os docentes são contados uma única vez em cada região, portanto o total não representa a soma das regiões, das unidades da federação, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total da Unidade da Federação, os docentes são contados uma única vez em cada Unidade da Federação (UF), portanto o total não representa a soma das 27 UFs, dos municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., No total do Município, os docentes são contados uma única vez em cada Município, portanto o total não representa a soma dos 5.570 municípios ou das localizações/dependências administrativas, pois o mesmo docente pode atuar em mais de uma unidade de agregação., Não inclui os docentes de turmas de Atividade Complementar e de Atendimento Educacional Especializado (AEE)., Os docentes são contados somente uma vez em cada localização/dependência administrativa, independente de atuarem em mais de uma delas., Inclui os docentes que atuam no Ensino Médio Propedêutico, Curso Técnico Integrado (Ensino Médio Integrado) e Ensino Médio Normal/Magistério de Ensino Regular e/ou Especial.

  5. Internações por diarreia: [número de internações por diarreia/população residente] x 1000

  6. Esgotamento sanitário adequado: [população total residente nos domicílios particulares permanentes com esgotamento sanitário do tipo rede geral e fossa séptica / População total residente nos domicílios particulares permanentes] x 100

  7. Arborização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com arborização/domicílios urbanos totais] x100

  8. Urbanização de vias públicas: [domicílios urbanos em face de quadra com boca de lobo e pavimentação e meio-fio e calçada/domicílios urbanos totais] x 100


Fontes:

  1. População estimada: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de População e Indicadores Sociais, Estimativas da população residente com data de referência 1o de julho de 2018

  2. População no último censo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  3. Densidade demográfica: IBGE, Censo Demográfico 2010, Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2011

  4. Salário médio mensal dos trabalhadores formais: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  5. Pessoal ocupado: IBGE, Cadastro Central de Empresas 2016. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  6. População ocupada: IBGE, Cadastro Central de Empresas (CEMPRE) 2016 (data de referência: 31/12/2016), IBGE, Estimativa da população 2016 (data de referência: 1/7/2016)

  7. Percentual da população com rendimento nominal mensal per capita de até 1/2 salário mínimo: IBGE, Censo Demográfico 2010

  8. Taxa de escolarização de 6 a 14 anos de idade: IBGE, Censo Demográfico 2010

  9. IDEB – Anos iniciais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  10. IDEB – Anos finais do ensino fundamental: MEC/INEP - Censo Escolar 2016

  11. Matrículas no ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  12. Matrículas no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  13. Docentes no ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  14. Número de estabelecimentos de ensino fundamental: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  15. Número de estabelecimentos de ensino médio: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2017

  16. PIB per capita: IBGE, em parceria com os Órgãos Estaduais de Estatística, Secretarias Estaduais de Governo e Superintendência da Zona Franca de Manaus - SUFRAMA

  17. Percentual das receitas oriundas de fontes externas: Secretaria do Tesouro Nacional (STN) - Balanço do Setor Público Nacional (BSPN) 2015

  18. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM): Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - PNUD

  19. Total de receitas realizadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  20. Total de despesas empenhadas: Contas anuais. Receitas orçamentárias realizadas (Anexo I-C) 2017 e Despesas orçamentárias empenhadas (Anexo I-D) 2017. In: Brasil. Secretaria do Tesouro Nacional, Siconfi: Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. Brasília, DF, [2018]. Disponível em: https://siconfi.tesouro.gov.br/siconfi/pages/public/consulta_finbra/finbra_list.jsf. Acesso em: set. 2018

  21. Mortalidade Infantil: Ministério da Saúde, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS 2014

  22. Internações por diarreia: Ministério da Saúde, DATASUS - Departamento de Informática do SUS, IBGE, Estimativas de população residente

  23. Estabelecimentos de Saúde SUS: IBGE, Assistência Médica Sanitária 2009

  24. Área da unidade territorial: Área territorial brasileira. Rio de Janeiro: IBGE, 2018

  25. Esgotamento sanitário adequado: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

  26. Arborização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

  27. Urbanização de vias públicas: IBGE, Censo Demográfico 2010

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


São Félix do Coribe: Imagens da cidade e Região

imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-1
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-2
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-3
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-4
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-5
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-6
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-7
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-8
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-9
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-10
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-11
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-12
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-13
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-14
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-15
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-16
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-17
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-18
imagem de S%C3%A3o+F%C3%A9lix+do+Coribe+Bahia n-19

Disponibilizamos uma vasta lista de hotéis de variados preços no município de São Félix do Coribe e arredores.


Você conhece a cidade de São Félix do Coribe? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: