Início » Bahia » Pilão Arcado


Pilão Arcado - Bahia



Pilão Arcado faz parte do estado da Bahia. A população avaliada em 2004 era de 30.413 habitantes.

Conta a tradição local que a denominação está ligada a uma lenda de pescadores que encontraram um pilão, com formato de uma curva em arco, em uma das margens do rio São Francisco, e passaram a utilizá-lo para pilar o sal que salgava o peixe. Pilão Arcado originou-se como fim do mundo, em fins do século XVII, por ordem do vice-rei D. João de Lencastre, com a finalidade de acabar com os constantes ataques dos índios mocoazes e acoroazes às fazendas de gado da região. O município, então em terras da Província de Pernambuco, foi criado em 1810, com a denominação de Vila do Pilão Arcado. Em 1824, devido as revoltas separatistas dos pernambucanos contra o Império, passou a integrar a Província de Minas Gerais. Em 1827, juntamente com todo o Além São Francisco, passou à administração da província da Bahia. Em 1857 foi extinto como município, integrando então o território de Vila de Nossa Senhora do Remanso de Pilão Arcado. Em 1890, foi desmembrado de Remanso. A sede foi elevada à categoria de cidade em 1938. Em 1974, sendo a população transferida em 1978 devido a implantação da Barragem de Sobradinho, no rio São Francisco, a sede foi transferida para local distante 24km da sede velha. A nova cidade foi planejada e construída pelo Governo Federal, através da CHESF.

História da cidade de Pilão Arcado

A região foi habitada, primitivamente, pelos índios mocoases e acoroases.

Seus primeiros povoadores civilizados foram elementos das famílias Guerreiro e Bernardo, portugueses de Linhagem nobre.

Em 1771, elevou-se a capela existente a freguesia, com o nome de Santo Antônio do Pilão Arcado.

Dos fins do Século XVIII até o ano de 1808, houve lutas entre as famílias Guerreiro e Militão Plácido, conseguindo anular o predomínio dos primeiros.

Simplificou-se a denominação do Município para Pilão Arcado, em 1810.

O topônimo está ligado à lenda de que pescadores encontraram, à margem do Rio São Francisco, onde o mesmo descreve curva em forma de arco, um pilão utilizado para moer o sal com que salgavam o peixe.

Pela Lei Estadual nº 3.347, de 23 de dezembro de 1974, transferiu-se a Sede Municipal para local distante, 7 km da Cidade Velha, que foi, em sua maior parte inundada pelas águas da Barragem do Sobradinho, no Rio São Francisco. A nova Cidade foi planejada e construída pelo Governo Federal.

Os nativos de Pilão Arcado são chamados de pilão-arcadenses.

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Pilão Arcado por carta régia de 18-01-1771 e lei provincial nº 2696, de 23-07-1889.

Elevado à categoria de vila com a denominação de Pilão Arcado, por alvará de 15-01-1810,

Pela lei provincial nº 650, de 14-12-1857, a vila de Pilão Arcado, foi extinto, sendo seu território anexado ao município de Remanso.

Elevado novamente à categoria de vila com a denominação de Pilão Arcado, por ato de 31-10-1890, desmembrada de Remanso. Sede no antigo distrito de Pilão Arcado. Constituído do distrito sede. Reinstalada em 30-12-1890.

Pelo decreto estadual de 26-10-1890, foram criados os distritos de Brejo da Serra, Salinas de Santo Antônio e Santa Teresa e anexados ao município de Pilão Arcado.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído de 4 distritos: Pilão Arcado, Brejo da Serra, Salinas de Santo Antônio e Santa Teresa.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município é constituído de 3 distritos: Pilão Arcado, Brejo da Serra e Salinas de Santo Antônio. Não figurando o distrito de Santa Teresa.

Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.

Pelo decreto estadual nº 11089, de 30-11-1938, o distrito de Salinas de Santo Antônio passou a denominar-se Saldanha.

No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 3 distritos: Pilão Arcado, Brejo da Serra e Saldanha (ex-Salinas de Santo Antônio).

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1950.

Pela lei estadual nº 628, de 30-12-1953, é criado o distrito de Baluarte (ex-povoado) e anexado ao município de Pilão Arcado.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 4 distritos: Pilão Arcado, Baluarte, Brejo da Serra e Saldanha.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Pilão Arcado: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Pilão Arcado? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: