Início » Bahia » Guanambi


Guanambi - Bahia



Guanambi faz parte do estado da Bahia. Está distante 796 quilômetros a sudoeste de Salvador, sendo interligado à capital pela BR-030, BR-242 e BR-324, 45km de Caetité e 43km de Palmas de Monte Alto pela BR-030, 33km de Pindaí pela BR-122 e 29km de Candiba, pela BA-262, representando assim, uma forte influência nas áreas comercial.

Guanambi é referência em saúde para os municípios de sua microrregião. Os principais hospitais são o Hospital Regional de Guanambi,O hospital do rim, a Policlínica, o São Lucas, e o Hospital Nova Aliança, oferecendo atendimento de média e alta complexidade para pacientes de outros municípios, desde que pactuados com a Prefeitura e o Ministério da Saúde (SUS).

Seu clima é basicamente semi-árido, e temperatura média anual de 22,6°C. O período da chuva se dá entre os meses de setembro a março. Seu relevo caracteriza-se pela presença do Pediplano Sertanejo, das superfícies dos Gerais e do Planalto do Espinhaço.É UM CLIMA MUITO QUENTE E SECO ...

História da cidade de Guanambi

Em 1870, teve inicio a povoação do atual território de Guanambi, às margens do rio Caraíba de Dentro, com a doação de uma parte da fazenda Carnaiba, feita pelo seu proprietário Joaquim Dias Guimarães, à freguesia criada nesse mesmo ano sob invocação de Santo Antonio, subordinada à Paróquia de Palmas de Monte Alto, em cujo local foi erguida a primeira igreja, tomando o lugar o nome de Beija-Flor.

A partir dessa data foi crescendo a população da nova freguesia, constituída inicialmente das famílias de João Pereira de Castro, José Pereira da Silva Castro, Gasparino Pereira da Costa, João Dias Guimarães, Inocêncio Pereira de Oliveira e muitos outros, que intensificaram a exploração da agricultura e da pecuária na região.

Em 1880, pela lei provincial nº 1979 de 23 de junho, foi criado o Distrito de Paz de Beija-Flor, pertencente ao Município de Palmas de Monte Alto.

A sede do arraial de Beija-Flor foi elevada à categoria de vila pela lei estadual nº 1.364 de 14 de agosto de 1919, que também criou o Município com o nome de Guanambi, com o território desmembrado do de Palmas de Monte Alto. A instalação se verificou a 1º de janeiro de 1920.

Nesse mesmo ano, a Lei Municipal nº 2 de 8 de janeiro, confirmou a criação do Distrito-Sede de Guanambi (ex-Beija-Flor), ao tempo em que criou para o município o novo Distrito de Mocambo (atual Candiba).

A criação de Mocambo, atualmente denominado de Candiba, foi confirmada pela Lei estadual nº 2.219, de 20 de agosto de 1929.

Por força do Decreto estadual nº 7.479 de 8 de julho de 1931, o território do Município de Palmas de Monte Alto, extinto pelo mesmo decreto, incorporou-se ao de Guanambi, sendo, entretanto, restaurado pelo Decreto Estadual nº 8.452 de 31 de maio de 1933.

Na divisão administrativa do Brasil, concernente a 1933, o município se compõe dos distritos de Guaiambé, Itaguaçu (atual Mutans), Mocambo (atual Candiba) e Gentio (atual Ceraíma).

Segundo o quadro territorial em vigência no quinquênio 1939-1943, estabelecido pelo Decreto-lei estadual nº 11.089 de 30 de novembro de 1933, o Município de Guanambi permanece formado pelos quatro distritos que constituíam no quadro de 1933, devendo-se notar que o distrito de Gentio teve mudado o seu topômio para Ceraíma.

De acordo com o quadro territorial vigente em l944-l948, fixado pelo Decreto estadual nº 12.978, de 1º de junho de l944, Guanambi subdivide-se em quatro distritos: o da sede e os de Candiba, Ceraíma e Mutans, constituição esta que permaneceu até quando Candiba se desmembrou passando à categoria de Município, criado pela Lei estadual nº 1.756 de 27 de julho de 1962.

Fonte: IBGE

Autor do Histórico: ABELARDO DA SILVA NORMANHA

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Guanambi: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Guanambi? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: