Início » Bahia » Alcobaça


Alcobaça - Bahia



Alcobaça faz parte do estado da Bahia. Encontra-se a uma latitude 17º31′10" sul e a uma longitude 39º11′44" oeste, estando a uma altitude de 9 metros. A população avaliada em 2004 era de 23 323 habitantes. Possui uma área de 1510,9km².

O local onde hoje se encontra o município de Alcobaça pertencia a uma sesmaria (terra doada pelo governo, no Brasil Colônia, para fins de colonização) administrada pelo capitão Francisco Martins Pereira a partir de 1697. Localizada numa área com grande incidência de indígenas "selvagens", a antiga Vila de Alcobaça oferecia pouca segurança para seus moradores. Em compensação, porém, suas terras eram férteis e o rio Itanhém possibilitava acesso ao "sertão" (região afastada do litoral). Talvez por causa da fertilidade do terreno, a região começou a ser ocupada pelos primeiros homens brancos oriundos de Vila de Caravelas, por volta de 1747. Nessa época, segundo a tradição, os portugueses Antonio Gomes Pereira e Antonio Mendes, moradores da cidade vizinha de Caravelas, e provenientes da cidade medieval de Alcobaça, em Portugal, assentaram acampamento às margens do rio Itanhém com suas respectivas famílias. Em pouco tempo, surgiu ali um povoado com o nome de Arraial de Itanhém.

A cidade portuguesa de Alcobaça, do outro lado do oceano Atlântico (que é sede do concelho (município) de mesmo nome), está situada no distrito de Leiria, na sub-região Alta-Estremadura, a cerca de 100km de Lisboa. Tem hoje aproximadamente 6 mil habitantes. É famosa por abrigar o Mosteiro de Santa Maria, fundado em 1178, onde estão localizados os túmulos do rei d. Pedro I (1320-1367) e da rainha d. Inês de Castro (1325-1355), que foram protagonistas de uma lendária história de amor no século XIV.

História da cidade de Alcobaça

Bahia - BA

No ano de 1752, Antônio Gomes Pereira e Antônio Mendes, procedentes de Caravelas, estabeleceram-se com suas famílias à margem esquerda do rio Itanhém, em terrenos da sesmaria do Capitão Francisco Martins Pereira. Formou-se o povoado de Itanhém.

Segundo historiadores, o topônimo Alcobaça é uma adoção do nome da cidade portuguesa, onde nasceram os colonizadores.

Gentílico: alcobacense

Formação Administrativa

Elevada à categoria de vila com a denominação de Alcobaça, por carta régia de 0303-1755, desmembrada de Caravelas e Prado. Instalada em 12-11-1772.

Freguesia criada com a denominação de Alcobaça, por alvará de 20-10-1795.

Elevada à condição de cidade com a denominação de Alcobaça, pela lei estadual nº 122, de 20-07-1896.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído do distrito sede.

Pelo decreto-lei estadual nº 7129, de 15-12-1930, é criado o distrito de Nossa Senhora do Itanhém e anexado ao município de Alcobaça.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município é constituído de 2 distritos: Alcobaça e Nossa Senhora do Itanhém.

Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.

Pelo decreto-lei estadual nº 11089, de 31-11-1938, o distrito de Nossa Senhora do Itanhém passou a denominar-se simplesmente Itanhém.

Em divisão territorial datada 1-VII-1950, o município é constituído de 2 distritos: Alcobaça e Itanhém.

Pela lei estadual nº 628, de 30-12-1953, são criados os distritos de Batinga, Cachoeira do Mato, Ibirajá, Itupeva e Medeiros Neto e Anexados ao município de Alcobaça.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o município é constituído de 6 distritos: Alcobaça, Batinga, Cachoeira do Mato, Ibirajá, Itanhém, Itupeva e Medeiros Neto.

Pela lei estadual nº 1024, de 14-08-1958, desmembra do município de Alcobaça os distritos de Medeiros Neto e Itupeva. Para formar o novo município de Medeiros Neto.

Pela lei estadual nº 1031, de 14-08-1958, desmembra do município de Alcobaça os distritos de Itanhém, Batinga e Ibirajá. Para formar o novo município de Itanhém.

Em divisão territorial datada de I-VII-1960, o município é constituído de 2 distritos: Alcobaça e Cachoeira do Mato. Assim permanecendo em divisão territorial datada de I-I-1979.

Pela lei estadual nº 4452, de 09-05-1985, alterado pela lei estadual nº 5853, de 20-071990, desmembra do município de Alcobaça o distrito de Cachoeira do Mato, para formar o novo município de Teixeira de Freitas.

Em divisão territorial datada de 18-VIII-1988, o município é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2001.

Pela leinº de , é criado o distrito de São José e anexado ao município de Alcobaça.

Em divisão territorial datada de 2005, o município é constituído de 2 distritos: Alcobaça e São José.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Alcobaça: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Alcobaça? Então deixe seu comentário!


Comentários (1)

  1. Micaela silVa's avatarMicaela silVa

    Há 40 anos, minha tia morava nessa cidade, fugiu aos 15 anos e está desaparecida até hoje. Procura- se Lucia Silva da Paz..

    #1 – 15/11/2016 - 16:00

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: