Início » Alagoas » Coruripe


Coruripe - Alagoas



Coruripe faz parte do estado de Alagoas. A população avaliada em 2004 era de 44313 habitantes. Sua população vive principalmente do cultivo da cana-de-açúcar, coleta de coco, e da pesca, tendo ainda outras formas de subsistência como a cultura de maracujá, o artesanato, e o comércio.

"Coruripe" é vocábulo indígena que significa "no rio dos sapos". Do tupi kururu, "sapo", ′y , "água, rio" e pe, "em".

Os índios antropófagos Caetés foram seus primeiros habitantes. O local também sofreu influências culturais dos portugueses e holandeses. O rio Coruripe, chamado Cururuji pelos Caetés, originou o nome do município.

História da cidade de Coruripe Alagoas - AL

O rio Coruripe, conhecido como Cururugi pelos índios Caetés, deu nome ao município. A região ficou conhecida na história do Brasil por ter sido palco do naufrágio da nau Nossa Senhora da Ajuda, que conduzia o bispo Dom Pero Fernandes Sardinha a Portugal. A história também registra no local o naufrágio do navegador espanhol Dom Rodrigo de Albaña, que foi homenageado com o batismo de um grande rochedo, em 1560.

De uma capela nasceu o povoado, onde já se comercializava ativamente o pau-brasil e outras madeiras. Na segunda metade do século XIX, a prosperidade de Coruripe o fez superar a vila de Poxim, à qual estava subordinado. Foi elevado à vila em 1866.

Com a mudança da sede, a freguesia sob invocação de Nossa Senhora da Conceição também foi transferida. Em 1882 foi instalada a comarca de Coruripe, que foi extinta em 1932 e restaurada em 1935.

Embora tenha seu desenvolvimento ligado à agroindústria açucareira, o município tornou-se conhecido pela beleza de suas praias e lagoas que atraem milhares de turistas. Nesse recanto abençoado pela natureza, destacam-se as praias de Pontal do Coruripe (com um farol e arrecifes que formam uma piscina natural), Miaí de Baixo e de Cima (mar aberto e quase deserto) e os baixios de Dom Rodrigues (excelente para a prática de mergulho). Entre as lagoas estão a de Jequiá (famosa pela vegetação exuberante), Escura, Guaxuma, Vermelha e a Lagoa do Pau, de rico manancial.

Boa parte do ano Coruripe vira festa: do Bom Jesus dos Navegantes e de São Sebastião (janeiro), Festival do Côco (fevereiro), São José do Poxim (19 de março), Emancipação Política (16 de maio), São Roque (16 de agosto) e da padroeira Nossa Senhora da Conceição (08 de dezembro).

Gentílico: coruripense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação Coruripe, em 1726.

Elevado á categoria de vila com a denominação de Coruripe, pela lei provincial nº 484, de 23-06-1866, desmembrado do município de Poxim. Instalado em 06-08-1866.

Elevado à condição de cidade e sede municipal com a denominação de Coruripe, pela lei estadual nº 15, de 16-05-1892.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído de 2 distritos: Coruripe e Coxim ex-município extinto pela lei provincial nº 484, de 23-06-1866.

Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.

No quadro fixado para vigorar no período de 1944-1948, o município é constituído do distrito sede.

Em divisão territorial datada 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.


Coruripe: Imagens da cidade e Região

Ainda não temos imagens dessa cidade, se você possui alguma envie pra gente!

Você conhece a cidade de Coruripe? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)




Estados





Compartilhe Esta Página: