Início » Rio de Janeiro » Trajano de Moraes


Trajano de Moraes - Rio de Janeiro



Trajano de Moraes faz parte do estado do Rio de Janeiro. A população avaliada em 1º de julho 2009 era de 9.914 habitantes.

Encontra-se a 22º03′48" de latitude sul e 42º03′59" de longitude oeste, a 655 metros de altitude. Conta com uma população de 10.281 habitantes (2010). O município faz divisa com Macaé ao Sul; Conceição de Macabu e Santa Maria Madalena a leste; São Sebastião do Alto e Macuco ao Norte; Cordeiro, Bom Jardim e Nova Friburgo a Oeste.

Sua beleza natural pode ser observada principalmente nas cachoeiras, em especial a Cachoeira Graças a Deus (em Sodrelândia, 5.° Distrito), Barragem e Cachoeira das Neves. Também existem algumas fazendas históricas, e o local que deu origem ao município – conhecido como São Francisco de Paula.

História da cidade de Trajano de Moraes

Um núcleo populacional surgido em princípios do século XIX, em torno de uma capela, dedicada a São Francisco de Paula, e primeira notícia que se tem do desbravamento da região, hoje ocupada pelo Município de Trajano de Moraes.

O café era a principal cultura, mas havia também cereais, algodão, fumo e cana-de-açúcar.

Pertencendo inicialmente ao Município de Cantagalo, foi curato em 1840 e freguesia em 1846 passando, em 24 de outubro de 1861, para o Município de Santa Maria Madalena.

Em 1915 a localidade, já elevada a Município, teve sua sede Municipal transferida para a estação de Trajano de Moraes passando, em 1919, para o Povoado de Aurora e voltando, em dezembro de 1923, para Trajano de Moraes.

Nome do Município, ainda São Francisco de Paula, passou, em 31 de março de 1938, para Trajano de Moraes.

Gentílico: trajanense

Formação Administrativa

Freguesia criada com a denominação de Francisco de Paula, pelo lei provincial nº 400, de 20-05-1846 e por decretos estaduais nº 1, de 08-05-1892 e nº 1-A, de 03-06-1892, subordinado ao município de Santa Maria Madalena.

Elevado à categoria de município com a denominação de São Francisco de Paula, pelo decreto estadual nº 178, de 12-03-1891, desmembrado de Santa Maria Madalena. Sede na freguesia de São Francisco de Paula. Constituído do distrito sede. Instalado em 25-04-1892.

Pelo decreto estadual nº 1-A, de 03-06-1892, é criado o distrito de Ventania e anexado ao município de São Francisco de Paula.

Pela lei estadual nº 575, de 27-12-1902, é criado o distrito de Santa Maria do Rio Grande e anexado ao município de São Francisco de Paula.

Pela lei estadual nº 963, de 28-10-1910, é criado o distrito de Ponte da Grama e anexado ao município de São Francisco de Paula.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município de São Francisco de Paula é constituído de 4 distritos: São Francisco de Paula, Ponte da Grama, Santa Maria do Rio Grande e Ventania.

Pela por força da lei estadual n.º 1234, de 18-01-1915, transfere a sede do município de São Francisco de Paula para Estação de Trajano de Moraes. Sob a mesma lei o distrito de Ventania passou a denominar-se Trajano de Moraes.

Pela lei estadual nº 1235, de 18-01-1915, transfere a sede do município de São Francisco de Paula da Estação de Trajano de Moraes para a localidade de Estação Visconde de Imbê.

Pela lei n.º 1633, de 18-11-1919, a sede do município de São Francisco de Paula foi transferida para o povoado de Aurora, na estação de Visconde de Imbé. Pela lei estadual nº 1721, de 31-10-1921, é criado o distrito de Boa Esperança de Macabú e anexado ao município de São Francisco de Paula.

Pela lei nº 1790, de 27-12-1923, a sede do município de São Francisco de Paula volta ser e Trajano de Moraes. Pela Lei Estadual nº 2078, de 03-12-1926, o distrito de Santa Maria do Rio Grande passou a denominar-se Doutor Elias.

Pela Lei Estadual nº 2264, de 26-01-1928, o distrito de Boa Esperança de Macabú Passou a denominar-se Sodrelândia.

Elevado à condição de cidade com a denominação de Trajano de Moraes pela lei estadual nº 2335, de 27-12-1929.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município de São Francisco de Paula é constituído de 5 distritos: sede Trajano de Moraes, Visconde de Imbé, Doutor Elias, Ponte da Grama e Sodrelândia.

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o município de São Francisco de Paula aparece constituído de 6 distritos: Trajano de Moraes, Doutor Elias, Monte Café, Ponte da Grama, Sodrelândia e Visconde Imbé.

Pelo decreto-lei estadual nº 392-A, de 31-03-1938, o município de São Francisco de Paula passou a denominar-se Trajano de Moraes.

No quadro fixado para vigorar no período 1939-1943, o município já denominado Trajano de Moraes é constituído de 6 distritos: Trajano de Moraes, Doutor Elias, Monte Café, Ponte de Grama, Sodrelândia e Visconde de Imbé.

Pelo decreto-lei estadual n.º 1056, de 31-12-1943, é extinto o distrito de Monte Café, sendo seu território anexado ao distrito de Doutor Elias.

Em divisão territorial datada de 15-VII-1950, o município é constituído de 5 distritos: Trajano de Moraes, Doutor Elias, Ponte da Grama, Sodrelândia e Visconde de Imbé.

Pela lei estadual nº 3458, de 13-11-1957, o distrito Ponte da Grama passou a denominar-se Vila da Grama.

Em divisão territorial datada de I-VII-1960, o município é constituído de 5 distritos: Trajano de Moraes, Doutor Elias, Sodrelândia, Vila da Grama ex-Ponte da Grama e Visconde de Imbé.

Em "Síntese" de 31-XII-1994, o município de Trajano de Moraes é constituído de 5 distritos: Trajano de Moraes, Dr. Elias, Sodrelândia, Vila da Grama e Visconde de Imbé.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alteração toponímica municipal

São Francisco de Paula para Trajano de Moraes alterado, pelo decreto-lei estadual nº 392-A, de 31-03-1938.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2016: 589,812: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 11: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 1.387: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 358: matrículas
Número de unidades locais: 188: unidades
Pessoal ocupado total: 1.669: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 15.593,44: reais
População residente : 10.289: pessoas
População residente - Homens: 5.258: pessoas
População residente - Mulheres: 5.031: pessoas
População residente alfabetizada: 8.222: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 2.815: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 5.410: pessoas
População residente, religião espírita: 60: pessoas
População residente, religião evangélicas: 3.279: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 1.441,14: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 1.860,18: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 336,00: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 510,00: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,667:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Trajano de Moraes: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Trajano de Moraes? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: