Início » Ceará » Tamboril


Tamboril - Ceará



Tamboril faz parte do estado do Ceará. Encontra-se a uma latitude 04º49′56" sul e a uma longitude 40º19′14" oeste, estando a uma altitude de 322 metros. A população avaliada em 2004 era de 25.826 habitantes. Possui uma área de 2046,6 km².

Tamboril recebeu status de vila e município, simultaneamente, pel lei provincial nº 664 de 4 de outubro de 1854. Extinto em 1931, o município foi restaurado em 1933.

Tropical quente semi-árido com chuvas de janeiro a abril. Temperatura: Apresenta uma variação de 5,1°C, entre os meses de novembro (29,0°C) de junho (23,9°C). As médias máximas e mínimas ocorrem nos meses de outubro (35,4°C) e julho (18,8°C). Os ventos sopram no quadrante nordeste/sudeste, com velocidades que variam de 2,7m/s em fevereiro a 3,7m/s em julho e novembro. Tropical quente semi-árido de janeiro a abril.

História da cidade de Tamboril Ceará - CE

A História do município de Tamboril recua aos meados do século XVIII, entre 1740 e 1760, quadra da vida colonial em que o capitão Luís Vieira de Sousa, casado com D. Ana Feitosa, organizou uma grande fazenda de criar e constituiu família numerosa. Homem de muita fé, afeito as duras lides do sertão, Luís Vieira logo mandou construir uma capela, sob invocação de Nossa Senhora Santana, em lugar escolhido e denominado Alto da Medalha Real. Para tanto doou vastas faixas de terras próprias para agricultura e criação e, por isso mesmo, excelentes para o estabelecimento de novos colonos.Iniciada a construção do pequeno templo, o capitão encomendou a imagem da padroeira. Antes, porém, de sua chegada, Luiz Vieira faleceu e, algum tempo depois, sua família recebia a imagem de Santo Anastácio, enviada, por engano, em lugar de Santana, que fôra encomendada. Reunidos os membros da casa, ficou deliberado que o padroeiro seria Santo Anastácio e que a igraja passaria a ser construída no local exato onde o extinto pretendia levantar a nova casa da fazenda.

Outra versão há que assegura ter havido uma seca, ocasionando grandes prejuízos à fazenda, e levando aquele proprietario a recorrer à proteção de Santana, no que foi atendido, por meio de um sonho, no qual a Santa mandava construir uma barragem no rio Acaraú. No dia imediato, o fazendeiro dava início a recomendada construção, que ainda hoje existe, e que lhe proporcionou recursos para a manutenção da fazenda nos anos de estiagem. Prometendo a Santa erigir um templo em sua honra, o fazendeiro encomendou a imagem, que somente depois de sua morte aí chegou, juntamente com a imagem de Santo Anastácio que se destinava a Independência. Os volumes foram marcados com as respectivas iniciais ( S.A.), sendo enviado o de Santana para Independência e o Santo Anastácio para Tamboril. Em face do equívoco, a família de Luis Vieira resolveu consultar as autoridades eclesiáticas. Imediatamente, autorizaram o culto a Santo Anastácio e a pleiteada transferência da ereção da capela em lugar mais próximo.

Passados mais alguns meses lá estava levantada a prometida capela, em torno da qual se formou, ao correr dos anos, o arraial que viria a ser a cidade de hoje.

Origem do Topônimo: Tamboril é um vocábulo híbrido, significando tambor pequeno de tambora, já corrução, pelos indígenas, da palavra tambor e do diminuitivo tupi mirim. A árvore de que os índios faziam os tambores, teve também o nome de tamboril a cuja abundância deve a cidade o seu nome.

Gentílico: tamborilense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Tamboril, pelo ato provincial de 18-03-1842, e por lei provincial nº 629, de 17-12-1853, subordinado ao município de Ipu.

Elevado à categoria de município com denominação de Tamboril, pela lei provincial nº 664, de 04-10-1854,

desmembrada de Ipu. Sede no núcleo de Tamboril. Constituído do distrito sede.

Pelo ato provincial de 17-03-1882, é criado o distrito de Arraial de Telha e anexado ao município de Tamboril.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído de 2 distritos: Tamboril e Arraial da Telha.

Pelo decreto estadual nº 193, de 20-05-1931, é extinto o município, sendo seu território anexado ao município de Santa Quitéria.

Elevado novamente à categoria de município com a denominação pela lei nº 1156, de 04-12-1933, desmembrado de Santa Quitéria. Constituído de 2 distrtios: Tamboril e Arraial da Telha.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município aparece constituído de 5 distritos: Tamboril, Arraial da Telha, Lagoinha, Pinheiro e Timbaúba.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o município aparece constituído de 5 distritos: Tamboril, Lagoinha, Monsenhor Tabosa, Pinheiro e Timbaúba. Não figurando o distrito de Arraial da Telha.

Pelo decreto estadual nº 448, de 20-12-1938, o distrito de Lagoinha passou a denominar-se Pagéu e o distrito de Timbaúba a denominar-se Holanda.

No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 5 distritos: Tamboril, Pagéu ex-Lagoinha, Holanda ex-Timbaúba, Monsenhor Tabosa e Pinheiro.

Pelo decreto estadual nº 1114, de 30-12-1943, o distrito de Pagéu passou a denominar-se Curatis e o distrito de Pinheiro a denominar-se Sucesso.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o município é constituído de 5 distritos: Tamboril, Curatis ex-Pagéu, Holanda, Monsenhor Tabosa e Sucesso ex-Pinheiro.

Pela lei estadual nº 1153, de 22-11-1951, desmembra do município de Tamboril o distrito de Monsenhor Tabosa. Elevado à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o município é constituído de 4 distritos: Tamboril, Curatis, Holanda e Sucesso.

Pela lei estadual nº 4197, de 06-09-1958, é criado o distrito de Oliveira expovoado com áreas desmembrada do distrito de Curatis e anexado ao município de Tamboril.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 5 distritos: Tamboril, Curatis, Holanda, Oliveiras e Sucesso.

Pela lei estadual nº 6379, de 02-07-1963, desmembra do município de Tamboril o distrito de Sucesso. Elevado à categoria de município.

Pela lei estadual nº 7019, de 27-12-1963, é criado o distrito de Boa Esperança e anexado ao município de Tamboril.

Pela lei estadual nº 7014, de 26-12-1963, é criado o distrito de Carvalho e anexado ao município de Tamboril.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 6 distritos: Tamboril, Boa Esperança, Carvalho, Curatis, Holanda e Oliveiras.

Pela lei estadual nº 8339, de 14-12-1965, o o município de Tamboril adquiriu o extinto distrito de Sucesso, como simples distrito.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1968, o município é constituído de 7 distritos: Tamboril, Boa Esperança, Carvalho, Curatis, Holanda, Oliveiras e Sucesso.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Fonte: IBGE

Ajude a divulgar a Histórias de sua cidade.

Se você encontrou algum dado incorreto ou acha que pode melhorar essas informações, entre em contato conosco ou envie seu texto para gente.



Síntese das Informações
Área da unidade territorial - 2015: 1.961,310: km²
Estabelecimentos de Saúde SUS: 16: estabelecimentos
Matrícula - Ensino fundamental - 2015: 4.170: matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2015: 1.204: matrículas
Número de unidades locais: 293: unidades
Pessoal ocupado total: 1.421: pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2014: 6.087,82: reais
População residente : 25.451: pessoas
População residente - Homens: 12.631: pessoas
População residente - Mulheres: 12.820: pessoas
População residente alfabetizada: 16.109: pessoas
População residente que frequentava creche ou escola : 8.877: pessoas
População residente, religião católica apostólica romana: 23.140: pessoas
População residente, religião espírita: 37: pessoas
População residente, religião evangélicas: 1.404: pessoas
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural: 584,62: reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana: 945,46: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural: 124,40: reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana: 236,67: reais
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010): 0,580:

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Tamboril: Imagens da cidade e Região

As fotos fornecidas pelo Panoramio estão sobre direitos autorais de seus proprietários.

Você conhece a cidade de Tamboril? Então deixe seu comentário!


Comentários (0)

Ainda não há comentários, seja o primeiro!

Postar um comentário

     (Opcional)






Compartilhe Esta Página: